Armação? Goleada por 17 a 0 vira alvo de investigação e paralisa campeonato

Time que disputa competição se sente prejudicado e acusa as duas equipes de terem combinado o resultado do duelo, antes mesmo do apito inicial

Por O Dia

Alagoas - No futebol diversas partidas já comprovaram que qualquer resultado pode ser revertido. Mas, no Campeonato Alagoano Sub-20 uma reação surpreendente virou alvo de investigação. Uma das partidas terminou com uma goleada, por 17 a 0, e deu ao Sete de Setembro uma das vagas para a próxima fase da competição. Pelo menos até esta terça-feira, quando o campeonato foi paralisado até que o ocorrido seja apurado e esclarecido.

Súmula da goleada por 17 a 0Reprodução

Antes da última rodada, o Grupo B da competição tinha o FF Sports de Igaci com 15 pontos, o Jaciobá com 14 e o Sete de Setembro com 12. Os dois primeiros na classificação se enfrentaram, enquanto o Sete de Setembro jogou com o Flamengo-AL, já eliminado. As duas partidas foram realizadas no último sábado, às 15h30.

O FF Sports de Igaci confirmou a ponta e venceu o Jaciobá, por 1 a 0, garantindo vaga na próxima fase do campeonato. Simultaneamente, o Sete de Setembro aplicou a suspeita goleada no Flamengo-AL, também avançando na competição. Mesmo que o Jaciobá tivesse empatado seu duelo estaria fora da disputa pelo título, por conta do placar que elevou o saldo de gols do Sete de Setembro. Vale lembrar que o Sete de Setembro precisaria tirar uma diferença de 14 gols de saldo.

Se sentindo prejudicado pela situação, o Jaciobá denunciou o ocorrido à Federação Alagoana de Futebol (FAF), que optou por paralisar a competição. O Jaciobá afirma que o Sete de Setembro e o Flamengo-AL combinaram o resultado antes mesmo do início da partida decisiva.

Em nota oficial, a FAF reforça que o Campeonato Alagoano Sub-20 seguirá paralisado até que o TJD/AL tome uma decisão final sobre o caso.

Últimas de Esporte