'Só tenho de dizer obrigado e rezar por Schumacher', diz Hamilton após marca

Família do piloto alemão parabenizou britânico por ter igualado o recorde de 68 poles na Fórmula 1

Por O Dia

Bélgica - O primeiro lugar no grid de largada conquistado neste sábado, no GP da Bélgica de Fórmula 1, teve um gosto especial para o inglês Lewis Hamilton. Ao cravar a volta mais rápida, o piloto da Mercedes igualou o recorde de 68 poles do alemão Michael Schumacher.

Lewis Hamilton agradeceu à família de Schumacher após mensagem o parabenizando por ter conseguido igual o recorde de poles do alemãoAFP/Tom Gandolfini

A família do heptacampeão mundial fez questão de parabenizar o feito. "Um enorme parabéns a Lewis por igualar o recorde histórico de pole positions. É realmente impressionante. Como Michael costumava dizer quando ainda estava guiando: recordes servem para ser quebrados. Mesmo assim, sem dúvidas, quando acontece é um grande acontecimento e não vem sem brilhantismo. Então parabéns e é muito merecido, Lewis."

Hamilton ficou emocionado com a mensagem lida pelo diretor esportivo da Fórmula 1, Ross Brawn, ex-diretor-técnico da Benetton e da Ferrari e amigo pessoal de Schumacher. "Foi emocionante ouvir a mensagem que o Ross me passou. Só tenho de dizer um super obrigado e rezar por Michael e pela família dele o tempo todo."

Na sequência, o piloto inglês lembrou do início da carreira, quando teve a oportunidade de competir com Schumacher, que atualmente está em coma por conta de um acidente grave que sofreu enquanto esquiava nos Alpes franceses, em 29 de dezembro de 2013. "Tive o privilégio de correr com ele no kart. Sempre o admirei, e continuo o admirando hoje. Me sinto honrado por estar ao lado dele agora no recorde de poles. De qualquer maneira, ele sempre estará como um dos melhores pilotos da história da Fórmula 1", completou.

Hamilton garantiu a pole neste sábado com o tempo de 1min42s553. O alemão Sebastian Vettel, da Ferrari, ficou em segundo lugar, seguido pela Mercedes do finlandês Valtteri Bottas. "Claro que gostaria de ter feito a dobradinha com Hamilton no grid de largada, mas infelizmente não foi possível. De qualquer forma, não vou largar de um lugar ruim. Queria a pole hoje (sábado), mas para ser honesto o Lewis tem feito um trabalho absolutamente perfeito durante toda a semana", comentou Bottas.

O GP da Bélgica acontecerá neste domingo, com largada programada para as 9 horas (de Brasília). Vettel lidera o Mundial de Pilotos com 202 pontos, contra 188 de Hamilton, o segundo colocado.

Últimas de Esporte