Daniel Virgínio agradece irmão e Jair Lourenço por conquista no XFC

Potiguar se credencia à disputa de cinturão após conquistar o torneio peso-galo da organização, superando o norte-americano James Gray, no último sábado, 4 de julho

Por O Dia

São Paulo - Daniel Virginio foi um dos destaques do XFC, evento de MMA que aconteceu no último final de semana em São Paulo. O potiguar se tornou campeão do torneio peso-galo (até 61,2kg) ao bater norte-americano James Gray, por nocaute técnico. Com a vitória, ele irá disputar o cinturão internacional da divisão diante de Fernandinho Vieira, em data ainda não definida. O atleta viaja nesta quarta-feira até sua cidade natal, conhecida como Pureza, que fica a 65 km de São Pessoa, onde vai receber uma homenagem na câmara de vereadores por sua conquista.

"O Daniel é um verdadeiro campeão, merecedor desse título. O espírito guerreiro demonstrado por ele dentro do hexágono é exatamente o que buscamos para nossos atletas. O James Gray tambem é um excelente oponente e tirou o melhor do Daniel nesta disputa. Não vejo como não dar a Virginio a chance de disputar o cinturão da divisão. Tenho certeza que veremos um grande combate entre ele e o Fernandinho Vieira", afirma Myron Molotky, presidente do XFC.

Daniel Virginio conquistou título no XFCFusion Photography

O campeão do XFC afirmou que se inspirou com irmão e lutador Jorjão, incentivador da sua entrada no MMA. Porém. há outro nome especial na vida de Daniel. Jair Lourenço, líder da equipe Kimura Nova União e um dos nomes mais respeitados da modalidade no cenário nacional, acompanhou de perto todo os treinamentos de Daniel, e traçou minuciosamente a estratégia para a vitória no último fim de semana.

"Meu irmão sempre foi minha inspiração, mas nessa luta o mestre Jair (Lourenço) foi realmente o grande diferencial. Nós treinamos exaustivamente todas as posições que o James Gray podia me colocar em perigo, não só como não deixar ele pegar, mas como fazer para sair dela. E a estratégia foi perfeita, porque aconteceu exatamente isso na luta e eu soube sair", disse Daniel.

Aos 29 anos, o agora campeão do torneio peso-galo do XFC iniciou a carreira no esporte há apenas dois anos e conta com um cartel de cinco lutas, com quatro vitórias e um revés. O atual campeão mundial de jiu-jitsu Fernandinho Vieira, que fez a luta principal do XFCi 8, superou o norte-americano Tyson Nam e possui 11 vitórias e duas derrotas na carreira. Os dois sem enfrentam em duelo que ainda não tem data.

"Eu fiquei feliz demais com a notícia, foi uma alegria dobrada ali depois do combate. Realmente não esperava que iria disputar o cinturão logo após vencer o GP. É muito bom saber que tenho o reconhecimento da parte deles e isso só me deixa mais empolgado para treinar duro. Vou realizar mais um sonho ao disputar esse cinturão e espero trazer ele para Natal. Sobre o Fernandinho, eu não conheço muito dele não, mas o mestre Jair (Lourenço) já me falou que o estilo dele é muito parecido com o do James Gray, com o jogo de solo como ponte forte, mas com a diferença de ter uma trocação afiada também", concluiu.

Últimas de _legado_MMA