Gatito pega pênalti, mas Jô se reabilita e Botafogo é derrotado pelo Corinthians

Timão disparou na liderança do Brasileirão com resultado no Itaquerão

Por O Dia

São Paulo - Nem a grande atuação defensiva, nem as grandes defesas de Gatito foram suficientes para o Botafogo contra o Corinthians. Em um jogo de muita pressão, no Itaquerão, o Timão conseguiu o seu gol com Jô, derrotou o Glorioso por 1 a 0 e disparou na liderança do Brasileirão com 29 pontos.

Nesta quinta-feira, o Botafogo terá compromisso pela Libertadores. O Glorioso vai até o Uruguai enfrentar o Nacional, no primeiro jogo das oitavas. Pelo Brasileirão, a equipe volta aos gramados no próximo domingo contra o Atlético-MG no Nilton Santos. Já o Timã recebe a Ponte, um dia antes, no Itaquerão.

Botafogo foi derrotado pelo CorinthiansDivulgação / Corinthians

O JOGO

O primeiro tempo entre Corinthians e Botafogo foi de muita pressão dos paulistas. Com uma estratégia de jogar fechado, a equipe alvinegra do Rio acabou conseguindo segurar os rivais. Poucas chances foram criadas pelo dois times e o placar não foi modificado até o intervalo.

Mesmo muito pressionado no campo de defesa, o Botafogo teve a melhor chance da primeira etapa. Após bela triangulação, Bruno Silva invadiu a área e cruzou para João Paulo, que livre, finalizou para fora.

O Corinthians só deu o seu primeiro chute a gol nos acréscimos do primeiro tempo. Após levantamento para a área, a zaga do Botafogo afastou mal e Maycon finalizou com perigo, assustando o goleiro Gatito Fernández.

A segunda etapa começou com o Corinthians mais ligado na partida. Com um minuto, os paulistas conseguiram criar uma boa oportunidade. Balbuena cruza, a zaga do Botafogo falha, mas Gatito aparece bem para evitar o gol dos donos da casa.

Aos cinco minutos, o Corinthians ganhou uma chance incrível de abrir o placar. Marcelo derrubou Arana fora da área, mas a arbitragem marcou pênalti. Na cobrança, Jô bateu mal e Gatito Fernández fez grande defesa, salvando o Glorioso.

A pressão do Corinthians não diminuiu. O Botafogo fazia uma partida quase que perfeita defensivamente, mas o Timão conseguiria o seu gol, e com Jô, que se recuperaria do pênalti perdido. Aos 34 minutos, Pedrinho fez bela jogada individual e tocou para o meio, Jô e Rodriguinho chutaram, Gatito fez duas defesas incríveis, mas no terceiro rebote, o atacante corintiano colocou a bola no fundo das redes, fazendo o gol decisivo da partida.

FICHA TÉCNICA
CORINTHIANS 1 X 0 BOTAFOGO

Local: Arena Corinthians, São Paulo (SP)
Árbitro: Rodolpho Toski Marques (Fifa-PR)
Público/renda: 40.341 pagantes/R$ 2.235.726,90
Cartões amarelos: Jadson, Jô e Fagner (COR), Victor Luis e Arnaldo (BOT)
Cartões vermelhos: -
Gols: Jô (33'/2ºT) (1-0)

CORINTHIANS: Cássio; Fagner, Balbuena, Pablo e Guilherme Arana; Gabriel (Marquinhos Gabriel, no intervalo) e Maycon; Jadson, Rodriguinho (Camacho, aos 37'/2ºT) e Clayson (Pedrinho, aos 33'/2ºT); Jô. Técnico: Fábio Carille.

BOTAFOGO: Gatito Fernández; Arnaldo, Marcelo, Igor Rabello e Victor Luis; Dudu Cearense, Bruno Silva; João Paulo, Camilo (Marcos Vinícius, aos 19'/2ºT) e Gilson (Roger, aos 36'/2ºT); Guilherme (Rodrigo Pimpão, aos 33'/2ºT). Técnico: Jair Ventura.