Henrique Dourado e Sornoza garantem vitória do Fluminense contra o Santos

Diante de sua torcida no Maracanã, o Tricolor levou a melhor por 3 a 2

Por O Dia

Rio - O Fluminense recebeu o Santos, no Maracanã, para a primeira partida deste domingo, pelo Campeonato Brasileiro. A festa ficou para as mamães da torcida tricolor, que viram a equipe vencer o Peixe por 3 a 2. Os gols do time das Laranjeiras foram marcados por Henrique Dourado e Sornoza, Victor Ferraz  e Hernández descontaram para os paulistas.

O duelo marcou o reencontro do Fluminense com Gustavo Scarpa. O jogador entrou em campo nos minutos finais da segunda etapa e foi recebido com carinho pela torcida tricolor. O atleta estava longe do gramado desde o dia 25 de fevereiro, quando sofreu uma lesão na partida contra o Madureira. 

No própximo domingo, o Fluminense volta ao gramado pelo Brasileirão. O Tricolor vai enfrentar o Atlético-MG, na Arena Independência, às 16h. Já o Santos receberá o Coritiba, na Vila Belmiro, no próximo sábado, às 16h.

O Fluminense estreou com vitória no Campeonato BrasileiroLucas Merçon / Fluminense/ Divulgação

O JOGO

O torcedor tricolor que chegou atrasado na partida, certamente entrou no Maracanã comemorando. Isso porque o Fluminense não deu tempo para o Santos gostar da partida e tratou de marcar logo o primeiro gol. Aos 3 minutos do primeiro tempo, Léo avançou pela esquerda e acionou Henrique Dourado, que tocou de biquinho e mandou a bola no fundo da rede.

O Santos soube se reorganizar após o primeiro gol do adversário, mas sofria com a atuação apagada de seus meio-campistas. Mas, aos 38, Bruno Henrique recebeu na área do Flu e cruzou para Victor Ferraz se infiltrar e mandar a bola no canto do gol de Diego Cavalieri, deixando tudo igual na partida.

O gol precoce no duelo não garantiu ao Fluminense superioridade na primeira etapa. O Santos se recuperou, alcançou o empate, manteve a posse de bola e a efetividade. Mas, não foi o suficiente para evitar que o time de Abel Braga voltasse a ficar na frente no placar.

Já nos acréscimos do primeiro tempo, aos 46, Henrique Dourado foi tocado na área, por Jean Mota, e o árbitro marcou pênalti no lance. O atacante tricolor foi para a cobrança e bateu com jeito no canto esquerdo de Vanderlei, para colocar o Tricolor novamente em vantagem na partida.

Na volta para a segunda etapa, a defesa do Santos ofereceu os espaços que o time de Abel Braga precisava para ampliar o placar. Aos 12, Richarlison recuperou uma boa jogada pela esquerda e tocou para Wendel, que limpou a marcação e rolou para Sornoza. De frente para o gol, o meia tricolor não desperdiçou a chance e marcou o terceiro do Flu na partida. 

Aos 16, o Santos voltou a provar que o Flu precisaria ficar ligado se quisesse confirmar a vitória. Ricardo Oliveira subiu e cabeceou no travessão de Cavalieri. No rebote, a bola sobrou para Bruno Henrique, que também finalizou de cabeça e também acertou o travessão. 

Nos minutos finais da partida, o Santos foi para cima do Fluminense para tentar arrancar um empate. Lucas Lima fez um bom lançamento para Bruno Henrique, que entrou na área e bateu. Cavalieri defendeu, mas Hernández chegou no rebote para marcar o segundo do Peixe no jogo.

FICHA TÉCNICA

FLUMINENSE 3 X 2 SANTOS

Local: Maracanã, Rio de Janeiro
Árbitro: Wagner Reway
Público e Renda: 9.880 pagantes (11.835 presentes) / R$ 305.610,00
Cartões amarelos: Léo (Fluminense); Bruno Henrique, Ricardo Oliveira, Lucas Veríssimo, Lucas Lima e Victor Ferraz (Santos).
Gols: Henrique Dourado, aos 3 e aos 48 (pênalti), e Victor Ferraz, aos 38 minutos do primeiro tempo. Sornoza, aos 12, e Hernández, aos 41 minutos do segundo tempo.

FLUMINENSE: Diego Cavalieri; Lucas, Renato Chaves, Henrique e Léo; Orejuela, Wendel e Sornoza (Gustavo Scarpa); Richarlison (Pierre), Henrique Dourado e Wellington Silva (Marcos Júnior). Técnico: Abel Braga.

SANTOS: Vanderlei; Victor Ferraz, Lucas Veríssimo, Yuri e Jean Mota (Léo Citadini); Renato, Thiago Maia, Lucas Lima e Vitor Bueno (Hernández); Bruno Henrique e Ricardo Oliveira (Kayke). Técnico: Dorival Júnior.