Nível do Sistema Cantareira volta a cair depois de estabilidade

Nível da represa está com 10,5% de sua capacidade

Por victor.duarte

São Paulo - O nível do Sistema Cantareira voltou a cair depois de um dia de estabilidade, devido às chuvas que atingiram 22,2 milímetros (mm) no local da represa na última terça-feira. De acordo com a Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp), o nível da represa nesta sexta-feira está com 10,5% de sua capacidade, um ponto percentual a menos do que o registrado nos últimos dois dias.

O nível registrado contabiliza a reserva técnica de 182,5 bilhões de litros, e vem sendo usada pela Sabesp desde março. As chuvas acumuladas nos primeiros cinco dias de setembro chegam a 30,1mm, sendo que a média histórica do mês é 91,9mm.

A companhia mostra também que o nível do Alto Tietê se manteve estável de ontem para hoje em 15,1%, com 1,1mm de chuva e índice para o mês chegando a 27,1mm, quando a média histórica para o período é 85,5mm.

Últimas de _legado_Brasil