Homem que 'ostentava' no Facebook para dar golpes em socialites é preso

Polícia acredita que o prejuízo causado às vítimas pode superar os R$ 300 mil

Por O Dia

Brasília - A Polícia Civil prendeu, nesta quarta-feira, um homem de 45 anos acusado de seduzir e dar golpes em socialites de Brasília. Os policiais acreditam que o prejuízo causado às vítimas pode superar os R$ 300 mil.

Segundo informações do Correio do Povo, Antonio Carlos Guimarães mantinha uma "vida de ostentação" em redes sociais para se aproximar das mulheres. Em uma semana, oito vítimas compareceram à delegacia e disseram ter sido enganadas pelo homem.

No entanto, a polícia acredita que o número de vítimas seja bem maior, porém teme que muitas não denunciem os crimes praticados pelo homem porque mantinham relação extraconjugal com o suspeito.

Nas redes sociais, Antonio Carlos publicava fotos em carros importados e em restaurantes nacionais de luxo para chamar a atenção das vítimasReprodução / Facebook

Nas redes sociais, Antonio Carlos publicava fotos em carros importados e em restaurantes nacionais de luxo para chamar a atenção das vítimas. Após se envolver com as mulheres, o homem praticava estelionato. Além de obter empréstimos no nome das vítimas, também conseguia dinheiro diretamente com elas e depois sumia.

Ainda de acordo com o jornal, o acusado disse, na delegacia, que não cometeu crimes e que não sabia por que estava preso. Além dessas acusações, Antonio Carlos já responde a 26 inquéritos por estelionato e receptação. A polícia também acredita que ele pode ter atuado em outros estados, como São Paulo, onde tem uma filha.

Antônio Guimarães, que foi preso dentro de uma agência bancária ao tentar abrir uma conta para conseguir um empréstimo, será indiciado por estelionato por causa das novas denúncias e pode pegar entre 1 e 5 anos de prisão pelos crimes.


Últimas de _legado_Brasil