Turquia e EUA acertam colaboração contra Estado Islâmico

Segundo o jornal 'Hürriyet', deste encontro saiu a decisão decolaborar contra os jihadistas

Por O Dia

Ancara - Os presidentes da Turquia, Recep Tayyip Erdogan, e dos Estados Unidos, Barack Obama, acertaram nesta sexta-feira que os dois países atuarão juntos contra a ameaça terrorista que representa o grupo jihadista Estado Islâmico (EI).

Os meios turcos citam "fontes do Governo" para informar que os dois presidentes se reuniram durante a cúpula que a Otan realizou no País de Gales e discutiram em profundidade a situação no Iraque e na Síria, onde o EI conquistou territórios e instaurou um califado.

Imagem do vídeo divulgado pelo Estado Islâmico mostra o jornalista Steven Sotloff ao lado de seu algozReprodução Youtube



Segundo o jornal "Hürriyet", deste encontro saiu a decisão decolaborar contra os jihadistas e, além disso, fechar um acordo para apoiar o cessar-fogo decretado na Faixa de Gaza após a última ofensiva israelense.

Antes de se reunir com Obama, Erdogan declarou que é preciso desenvolver uma ampla estratégia internacional para enfrentar "as organizações terroristas que se beneficiam do caos" criado na Síriapor, segundo disse, não se ter atuado contra as atrocidades do regime do presidente Bashar al Assad.

Últimas de _legado_Mundo e Ciência