Tentativa de assalto termina com criminoso morto na Linha Vermelha

Quatro homens saíram de mata às margens da via, em São João de Meriti, e um suposto policial à paisana reagiu

Por O Dia

Rio - Um assaltante foi morto a tiros na manhã desta terça-feira na Linha Vermelha, na altura de São João de Meriti, na Baixada Fluminense. Segundo testemunhas, ele e outros três comparsas saíram armados da mata à margem da via expressa para assaltar os motoristas, mas um deles, que disse ser policial militar, reagiu e matou um dos homens.

Os criminosos se aproveitavam do trânsito com retenção para atacar os motoristas que passavam pela Linha Vermelha no sentido Centro. Após perceber que os bandidos estavam armados e poderiam identificá-lo como PM, o policial reagiu e atingiu o assaltante com dois tiros na cabeça. Os seus comparsas fugiram em direção a mata.

Os tiros assustaram os motoristas que passavam na via e a cena do crime fez com que muitos curiosos parassem no local. O assaltante morto estava em posse de um revólver calibre 38, que foi colocado em um saco plástico pelo policial, que acionou a polícia através do celular, mas não permaneceu no local temendo represálias. "Eu sou subtenente, pô, não posso ficar aqui porque há favelas ao redor e estou sozinho", gritava no telefone. O corpo do assaltante permanece no local. A PM informou que a ocorrência está em andamento. A Polícia Civil foi procurada, mas ainda não se pronunciou.

Em nota, a Policia Militar informou, que de acordo com o BPVE, criminosos armados teriam tentado roubar um motorista que seguia pela Linha Vermelha, na altura Duque de Caxias. O condutor, um policial militar de folga, reagiu e atingiu um dos suspeitos. Os demais conseguiram fugir. O agente acionou o 190 e uma ambulância socorreu o ferido até o Hospital de Saracuruna. No entanto, ele não resistiu aos ferimentos. O caso foi registrado na 59ª DP. O BPVE intensificou o patrulhamento na via por tempo indeterminado. A Polícia Civil não se pronunciou. 

Rotina de assaltos na Linha Vermelha

Na semana passada, motoristas também foram assaltados via expressa, na descida para a Avenida Francisco Bicalho, em São Cristóvão. Uma das vítimas foi um policial militar. Ele, que estava fora de serviço, foi rendido e teve sua motocicleta e a arma levadas pelos criminosos. Um motorista que estava próximo do local onde os bandidos abordaram o militar e que viu toda a cena também teve seus pertences roubados.

LEIA MAIS: Ao menos duas pessoas são vítimas de arrastão na Linha Vermelha

Últimas de Rio De Janeiro