Suspeito de atacar UPP da Cidade de Deus é preso

Polícia já tinha prendido outros cinco suspeitos. Moradores viveram momentos de terror na última quinta-feira

Por O Dia

Rio - A polícia prendeu, na tarde deste sábado, um suspeito de participar dos ataques às bases da Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) da Cidade de Deus, na última quinta-feira. Segundo a unidade, o homem, identificado como Shura, agia na localidade conhecida como 15. Os agentes apreenderam com ele uma pistola e drogas.

Uma pistola calibre 9mm e drogas foram apreendidasDivulgação

LEIA MAIS

Tiroteio assusta moradores da Cidade de Deus após morte de mulher

Policiamento é reforçado na Cidade de Deus após intenso tiroteio na região

Na tarde desta sexta-feira, os policiais do 18º BPM (Jacarepaguá) e da UPP já haviam prendido cinco suspeitos dentro de uma casa, na localidade "AP da PM". Os PMs apreenderam 521 trouxinhas de maconha. De acordo com os agentes, os suspeitos estariam aguardando ordens para iniciar novos ataques às bases da UPP. As ocorrências foram registradas na 32ª DP (Taquara).

Tiroteio assusta moradores

?O assassinato de uma mulher, apontada como sobrinha do traficante Éderson José Gonçalves Leite, o Sam, chefe do tráfico de drogas na Cidade de Deus, em Jacarepaguá, que está preso, provocou represália de bandidos e troca de tiros com a PM nesta quinta-feira. O comércio fechou as portas à tarde na Avenida Salazar Mendes de Morais e o trânsito foi interrompido na via à noite, devido a barricadas colocadas na pista.

Últimas de Rio De Janeiro