Cidades do estado preparam atividades para comemorar o Dia do Trabalho

Para marcar a data, muitos municípios preparam ações diversas, voltadas para os públicos adulto e infantil

Por O Dia

Rio - Atividades esportivas, culturais e sociais vão marcar as comemorações do Dia do Trabalho. E a festa em 2017 vai se estender por todo o fim de semana. Afinal, o feriado de 1º de maio cai em plena segunda-feira. Para marcar a data, muitas cidades preparam ações diversas, voltadas para os públicos adulto e infantil.

Em Maricá, a festa vai acontecer na Praça Orlando de Barros Pimentel, no Centro. As comemorações começam amanhã e vão até segunda-feira, dia 1º. Entre as atrações, shows, espetáculos de teatro e exibições de filmes. As ações sociais vão ficar por conta da realização de exames de identificação de Doenças Sexualmente Transmissíveis (DST) e Aids, aferição de pressão arterial e glicemia, além da emissão da carteira de trabalho e cadastro no balcão de empregos, entre outras atividades.

Em Teresópolis%2C uma pedida é aproveitar o Serveja — Festival de Gastronomia de Rua e Cultura CervejeiraDivulgação

Macaé terá programação cultural e ações sociais na Praça Mirante dos Navegantes, em Barra de Macaé, mas apenas no dia 1º. Vão ser oferecidos serviços de emissão de Carteira de Identidade e do Cartão do Sistema Único de Saúde (SUS), além de orientações sobre o Programa Bolsa Família, direitos do consumidor e distribuição de kits odontológicos. As comemorações também prevêem balé, capoeira, dança de rua, atividades esportivas e shows.

Na cidade de Piraí, a festa do Dia do Trabalho vai ser realizada entre os dias 29 de abril e 1º de maio, no Gramadão, distrito de Santanésia. Na programação, shows de rock, MPB e pagode. O ponto alto das comemorações vai ser a apresentação do Grupo Revelação, no domingo. Na segunda, haverá desfile cívico e feira de artesanato.

O Dia do Trabalho em Petrópolis vai ser no Parque Municipal de Itatiaia, dentro da programação da XXVIII Expo Petrópolis. A festa vai começar a partir das 10h, com recreação infantil na Tenda da Prefeitura. Haverá também aulão de zumba no Palco Petrópolis. Os shows serão a partir das 13h. O Palco Petrópolis terá o quinteto Taruíra; na Tenda da Prefeitura estará a Banda Marcial Frei Aniceto, às 14h; e o Coral do IPAE vai se apresentar no Palco Principal, também às 14h.

No Sul Fluminense, Volta Redonda vai comemorar o Dia do Trabalho com a primeira edição do Desafio de Futebol dos Servidores Municipais — evento começará às 8h. Em seguida, às 10h, terá uma grande aula de dança de salão. Logo depois, às 10h30, Oficina de Parkour. Todas as atividades vão ser no Estádio Raulino de Oliveira.

Ainda no Sul Fluminense, Resende dá início às comemorações do Dia do Trabalho já na sexta-feira, dia 28, quando serão montados estandes no Centro Administrativo da Prefeitura para esclarecimentos sobre Doenças Sexualmente Transmissíveis (DST) e para distribuição de preservativos e brindes. Na segunda, dia 1º, entre 14h e 19h, haverá Torneio Esportivo e apresentações musicais no Estádio do Trabalhador.

Em Rio das Ostras, entre os dias 28 de abril e 1º de maio, vai acontecer a feira Rio das Ostras Outlet, onde serão oferecidos as últimas novidades da moda infantil e adulta, além de acessórios. De acordo com a organização, os produtos expostos podem ter até 70% de desconto.

Eventos inéditos prometem agitar Teresópolis e Macaé

Dois eventos prometem agitas Teresópolis e Macaé. Na cidade da Região Serrana vai ser realizada, entre os dias 29 de abril e 1º de maio, a primeira edição do Serveja — Festival de Gastronomia de Rua e Cultura Cervejeira. O evento vai acontecer em um trecho da Avenida J. J. de Araújo Regadas, no Parque Regadas, no Centro, e reunirá diversos food trucks e mais de 40 cervejarias, além de apresentações musicais e área para recreação infantil.

Em Macaé vai ser realizado, de hoje até domingo, o Campeonato Mundial de Frescobol. O evento acontecerá na Praia dos Cavaleiros e vai contar com a participação de cerca de 150 atletas de mais de 20 países diferentes, como França, Itália, Grécia, Espanha e Alemanha, além do Brasil.

Surgido em Copacabana, Rio de Janeiro, na década de 1940 — chegou a ser proibido pela polícia entre os anos de 1950 e 1951 —, o frescobol tem regras inusitadas. As disputas acontecem por apresentação das duplas. A partida começa ao primeiro toque de bola e os juízes dão nota a cada sequência, que só realmente termina quando a bola cai a areia ou toca o corpo de um dos atletas.

Na disputa, as equipes têm um período de cinco minutos para se apresentar e, ao final de cada sequência, o cronômetro é parado, dando direito a um minuto de intervalo. Os juízes avaliam a quantidade de batidas, a destreza, o equilíbrio da dupla e a sequência de bolas no chão. 

Últimas de Rio De Janeiro