Construtoras adotam recurso de visitas a empreendimentos decorados em imóveis do 'Minha Casa Minha Vida'

Espaço é montado para dar uma noção mais real dos ambientes, além de mostrar sugestões de decoração dos cômodos

Por Marina Cardoso

Imóvel de Itaipava decorado para receber interessados em comprar unidade de programa habitacional
Imóvel de Itaipava decorado para receber interessados em comprar unidade de programa habitacional -

Rio - Os empreendimentos do 'Minha Casa Minha Vida', programa habitacional do governo federal, passaram a contar com um recurso que costuma ser usado em lançamentos de médio e alto padrão. A estratégia é garantir ao cliente visitas ao apartamento decorado antes de fechar a compra de um imóvel na planta. O espaço é montado para dar uma noção mais real dos ambientes, além de mostrar sugestões de decoração dos cômodos.

Especialistas no setor garantem que uma simples visita ao estande de vendas das construtoras apenas com um projeto do imóvel não oferece ao possível comprador uma ideia mais clara sobre itens importantes, como o espaço de circulação e o posicionamento dos móveis.

"O apartamento decorado pode transmitir o sentimento do lugar onde a pessoa vai morar, com a percepção de espaço e quais móveis atuais ele poderá colocar no seu apartamento", explica André Barros, diretor da Morar Mais Imobiliária.

O arquiteto Fernando Santos explica que o morador deve focar no que será entregue de fato pela construtora. "Ao visitar o decorado, é conveniente levar uma trena e as medidas dos seus móveis anotados para ir comparando e imaginando a montagem da casa", sugere.

Profissionais do ramo orientam o futuro proprietário a visitar mais de uma vez o apartamento decorado antes de fechar a compra. Dessa forma, ele vai ter diferentes visões da unidade. E, para a visita, vale ir acompanhado de pessoas diferentes em cada oportunidade para ter opiniões distintas. Fazer fotos do modelo decorado também é uma orientação que pode ser levada em consideração. "Fotografar é bom porque quem compra imóvel não visita apenas uma ou duas unidades. Por isso, é bom ter fotos para lembrar os pontos fortes e fracos de cada imóvel", acrescenta o arquiteto Fernando Santos.

Construtoras investem no modelo decorado

Construtoras como a Azul Construções, Rio Oito e CAC Engenharia investem na unidade decorada para atrair futuros proprietários de empreendimentos do programa habitacional do governo federal. Na Azul Construções, por exemplo, o morador pode aproveitar a unidade do lançamento Royal Blue para buscar dicas de distribuição de móveis e ideias de decoração. "Ele serve também com fonte de inspiração para o morador", destaca Mariana Marques, sócia da construtora.

O trunfo também é usado no Residencial Itália da CAC Engenharia, em Nova Iguaçu. E também no Cenário da Montanha, da construtora Rio Oito. "Além da unidade decorada, o 3D também permite o cliente sentir como será a futura casa", finaliza Mariliza Pereira, diretora da Rio Oito.

 

 

Galeria de Fotos

Imóvel de Itaipava decorado para receber interessados em comprar unidade de programa habitacional Divulgação
Apartamentos decorados no MCMV Divulgação

Últimas de Imóveis e Casa