Simulação pode ser feita pela internet

Por O Dia

Os interessados em investir no Tesouro Direto vão contar com uma nova ferramenta de simulação em https://www.tesouro.fazenda.gov.br/pt/-/direto-para-voce. Ela vai indicar qual o melhor título para investir, com base em perguntas feitas ao investidor.

Escolhido o título, o aplicador pode fazer dois tipos de simulação: fixando os aportes mensais para descobrir quanto receberá no fim de um certo período ou traçando a meta de quanto gostaria de resgatar em um determinado momento do futuro, para saber o valor que precisa aplicar mês a mês.

Além de fazer simulações com depósitos mensais, também será possível calcular com aporte único ou com uma combinação de depósito inicial e parcelas mensais regulares.

Ao final, o investidor terá como comparar a projeção de desempenho do título que escolheu com as principais alternativas de aplicação em renda fixa disponíveis no mercado - poupança, CDB, LCI/LCA e Fundo DI. A simulação traz a rentabilidade bruta e líquida do investimento, já descontados impostos e taxas.

O investidor também terá a liberdade de personalizar o cenário, alterando os parâmetros e refazendo os cálculos, explicou o analista financeiro Reinaldo Domingos, presidente da Associação Brasileira de Educadores Financeiros (Abefin) e da DSOP Educação Financeira.

Comentários

Últimas de Economia