Apoiado por Bolsonaro, Ronaldinho Gaúcho vai se candidatar a senador em 2018

Pentacampeão mundial sairá como um dos principais nomes do PEN, futuro Patriota, para a disputa do Senado nas próximas eleições

Por O Dia

31/08/2015. Entrevista Coletiva com o jogador de Futebol do Fluminense, Ronaldinho Gaúcho nas Laranjeiras, zona sul do Rio de Janeiro. Foto - André Mourão / Agência O Dia
31/08/2015. Entrevista Coletiva com o jogador de Futebol do Fluminense, Ronaldinho Gaúcho nas Laranjeiras, zona sul do Rio de Janeiro. Foto - André Mourão / Agência O Dia - Arquivo O Dia

Minas Gerais - O ex-jogador de futebol Ronaldinho Gaúcho sairá como candidato do PEN (Partido Ecológico Nacional), futuro Patriota, a senador pelo estado de Minas Gerais nas próximas eleições. A informação foi divulgada nesta quinta-feira pelo blog de Lauro Jardim, do 'O Globo'.

Segundo a publicação, a candidatura tem o apoio de Jair Bolsonaro, que será o nome do partido para a disputa da presidência. Porém, a oficialização só será feita em março de 2018, quando será aberta a janela para filiação.

O pentacampeão mundial, eleito duas vezes como melhor jogador do mundo, deve repetir o caminho de alguns ex-atletas que resolveram se dedicar a vida política, como Romário, que virou senador, e Bebeto, deputado no Rio de Janeiro.

Comentários

Últimas de Brasil