Akayed Ullah está preso
Akayed Ullah está presoAFP
Por
A Justiça americana acusou ontem o autor do atentado de segunda-feira de terrorismo e de apoiar o grupo extremista Estado Islâmico (EI). Akayed Ullah imigrante de Bangladesh, explodiu uma bomba em uma passagem do metrô de Nova York.
O jovem será indiciado por cinco crimes e enfrenta a possibilidade de prisão perpétua, ou até de pena de morte. O presidente Donald Trump já se pronunciou a favor das penas "mais duras" para terroristas.
Publicidade
Ullah, morador do bairro do Brooklyn, explodiu uma bomba de fabricação caseira e deixou três feridos. O motivo seria a irritação com políticas dos EUA no Oriente Médio.