Guilherme de Pádua vira pastor em MG

Por O Dia

Guilherme de Pádua vira pastor de igreja evangélica. Há 20 anos, o ex-ator foi condenado pelo assassinato da atriz Daniella Perez, filha da autora de novelas Gloria Perez. Leitores comentam.

Lembre-se, aqui se faz aqui se paga! Vai pensando que está passando batido perante as leis de Deus! Pior raça que tem é essa raça de evangélicos disfarçados de Santos... Sendo que nas costas um homicídio... Fala sério!

Wallace Borges

Pelo Facebook

O Guilherme de Pádua cumpriu a sua pena. Deus perdoa todos os pecados. A família pode não perdoar porque foi vítima de crueldade. A população pode não perdoar pois está na memória recente. Mas Deus perdoa e pode modificar a pessoa que ele era. Acredito no poder transformador do Espírito Santo.

Ana Paula Nascimento

Pelo Facebook

E agora é uma ótima pessoa e está salvo... Eu, sem religião, sem seguir doutrinação de líder religioso, trabalho 12 horas por dia, nunca matei ou roubei e não estou salvo... O assassino está! Tem lógica?

Daniel Araújo

Pelo Facebook, em resposta

Pois é...é o que eu falo... ou se curva a uma divindade, ou então vai pro "inferno"... Ou seja, ou me ama ou se ferra... Belo amor, né?

Leonardo Barreto

Pelo Facebook

Jesus veio para resgatar o que se havia perdido, Ele veio para os doentes, e não para os sãos. A Bíblia é muito clara, quando Ele escolheu Judas como apóstolo, Ele sabia que ele O trairia, mas o escolheu para nos mostrar que, mesmo cheio de erros, Ele nos ama e está pronto a nos perdoar, pois se não perdoarmos o próximo jamais receberemos o perdão de Deus.

Avelino e Markus Guimaraes

Pelo Facebook

O perdão, Deus dá, mas as consequências de cada ato ficam. E ele tem que carregar essa consequência para o resto da vida dele. Você fala em perdão porque não foi a sua filha.

Antonio Souza Costa

Pelo Facebook, em resposta

Se aqui é assim ..o fim dele e sentado do colo do capeta !

Cfeliz Moura

Pelo Facebook, em resposta

Comentários