Dois suspeitos são presos pela morte de meninas de 3 anos encontradas em carro

Corpos das vítimas foram localizados em decomposição no dia das Crianças, na Zona Leste de São Paulo

Por O Dia

São Paulo - A Polícia Civil prendeu na manhã desta sexta-feira, dois homens que são suspeitos pelas mortes das meninas Adrielly Mel Severo e Beatriz Moreira dos Santos, ambas de 3 anos, encontradas mortas, em estado de decomposição no dia 12 de outubro, dentro de um carro em São Miguel Paulista, na Zona Leste de São Paulo.

De acordo com o Departamento Estadual de Homicídios e de Proteção à Pessoa (DHPP), foi decretada a prisão temporária Marcelo Pereira de Souza, que confessou o envolvimento no crime, e Everaldo Jesus Santos.

A polícia aguarda resultados de exames realizados pelo Instituto Médico Legal (IML) e Instituto de Criminalística (IC) para detectar se as crianças sofreram abusos sexuais.

As duas meninas%2C de 3 anos%2C estavam desaparecidas e foram encontradas mortas no dia das Crianças%2C dentro de um carro parado na Zona Leste de São PauloReprodução/TV Globo

Comoção no dia das Crianças

As meninas Adrielly Mel Severo e Beatriz Moreira dos Santos, ambas de 3 anos, foram encontradas mortas na noite do dia 12 de outubro, dia das Crianças. Os corpos foram deixados no interior de um veículo em um terreno baldio.

De acordo com parentes, Adrielly e Beatriz estavam desaparecidas desde 24 de setembro. No domingo em que sumiram, elas brincavam na frente da casa dos pais de Adrielly. A comunidade se mobilizou para encontrá-las e chegou a fazer cartazes. Naquele dia, a família percorreu todo o bairro. Foi também a hospitais e conselhos tutelares.

Os corpos foram encontrados em uma Fiorino branca de placas FIP 2230, de Ibiúna, no interior, em um terreno baldio próximo à residência das meninas.

Últimas de Brasil