Flávio Ricco: Mau desempenho dos programas de Celso Portiolli preocupam SBT

A experiência de alguém tocar, ao mesmo tempo, dois programas diferentes nunca deu certo em lugar nenhum

Por O Dia

Rio - O SBT está tentando encontrar uma melhor saída para a preocupante situação do Celso Portiolli. A conclusão interna é que, mesmo com dois programas no ar, não há nenhum bom resultado. Se para o baixo desempenho do ‘Domingo Legal’ a entrega muito ruim da Disney pode ser usada como defesa, justificativa alguma existe para o ‘Sabadão’, que também tem um desanimador rendimento de audiência. São sempre, em média, dois pontos abaixo da concorrente Record, nunca indo além do terceiro lugar no horário.

Portiolli entrou nas noites de sábado para compensar o espaço perdido nos domingos, só que os números de um e de outro têm demonstrado que a sua vantagem foi nenhuma. Muito ao contrário.

A experiência de alguém tocar, ao mesmo tempo, dois programas diferentes nunca deu certo em lugar nenhum.

Drama ainda maior

Se com o ‘Sabadão’, Celso Portiolli nunca consegue superar Marcos Mion, a sua situação nos domingos é muito pior. Neste último final de semana, de novo, ele foi terceiro lugar, atrás do Geraldo Luis, com diferença de 3 pontos. 

Fim de ano

Joaquim Lopes, da equipe do ‘Vídeo Show’, vai dividir com Camila Queiroz a apresentação do especial ‘Festeja Brasil’ que será gravado sábado em São José do Rio Preto, em São Paulo. No ano passado, esse trabalho foi realizado por Márcio Garcia e a mesma Camila. A atração faz parte da programação de dezembro. 

Nas mãos dele

Todos os estudos de programação da Record para o ano que vem estão nas mãos do vice-presidente artístico e de produção, Marcelo Silva. Ele dará a palavra final, muito embora já tenha se mostrado bastante simpático a proposta de um programa diário com Geraldo Luis. 

Arquibancada

Foi comentadíssimo ontem o artigo do Mauro Cezar Pereira, da ESPN, sobre o patrulhamento de jornalistas pelo histórico de torcedor. Ser autêntico, não enganar ninguém e só agir com a verdade às vezes dá nisso, tanto no jornalismo esportivo como em todos os outros. 

Mudou 

Fernando Pavão não vai mais fazer ‘O Rico e Lázaro’, porque foi transferido para outra novela da Record, que só pode ser ‘Belaventura’. Isto, quando ‘Belaventura’ vier a existir, claro. Por enquanto, a sua produção ainda não saiu do zero e tudo indica que não sairá tão cedo. 

Áudio ruim 

Um horror o áudio de Flamengo e Santa Cruz, domingo no Première. Só no meio do jogo abaixaram o ambiente e deu para ouvir a narração. 

Outra coisa

Em Fortaleza e Juventude, pela Série C, transmissão do Esporte Interativo, vazaram vários e sonoros palavrões.

Últimas de Diversão