Revista inglesa contesta prêmio de Bola de Ouro dado para Cristiano Ronaldo

Para The Economist, embora o português tenha feito mais gols nos últimos dois anos, o argentino foi mais decisivo

Por O Dia

Cristiano Ronaldo venceu a sua 3ª Bola de OuroReuters

Inglaterra - Nos últimos dois anos, Cristiano Ronaldo marcou 105 gols, foi eleito duas vezes pela Fifa o melhor jogador do mundo e conduziu o Real Madrid a um título da Liga dos Campeões. Já Messi marcou 86 gols e ganhou apenas o Campeonato Espanhol pelo Barcelona nas duas últimas temporadas. Ainda assim, a revista inglesa The Economist coloca o argentino acima do português nesse período. E ela usa números para justificar a escolha.

A The Economist usou um critério estatístico para comparar os dois craques, o EPA (Expected Points Added). É uma maneira de avaliar a importânica dos gols marcados por um atleta e quantos pontos eles rendem ao time. No caso, a conta considerou não apenas os gols marcados por ambos em seus clubes, mas também em suas seleções.

No caso de Cristiano Ronaldo, cada gol marcado rendeu 0,40 ponto ao Real Madrid ou à seleção portuguesa, em média. A conta destaca, por exemplo, que ele marcou dois gols nas semifinais da Liga dos Campeões contra o Bayern quando o Real Madrid já tinha vantagem de 3 a 0 e 4 a 0 no placar agregado dos dois jogos. Na final contra o Atlético de Madri, marcou quando seu time já vencia por 3 a 1 na prorrogação.

Já Messi tem um EPA de 0,47. Ou seja, os gols dele são mais decisivos para o Barcelona e para a seleção argentina. A revista destaca que o argentino marcou cinco gols decisivos nos 20 minutos finais de jogos entre 2013 e 2014. Embora tenha 20% menos gols do que Cristiano Ronaldo, Messi fez 20% mais gols decisivos. Não só equilibrou a disputa como levou vantagem nela.

Últimas de Esporte