Trágedia! Tumulto em estádio de futebol deixa quatro mortos e 25 pessoas feridas

Polícia acredita venderam mais ingressos do que o local suportava

Por O Dia

Honduras - Um tumulto generalizado no estádio nacional Tiburcio Carías Andino, em Honduras, deixou pelo menos quatro pessoas mortas e outras 25 ficaram feridas, durante o jogo entre Motagua e o Honduras Progresso, valendo o título do Torneio Clausura do campeonato nacional.

Tumulto no estádio causou mortes no Campeonato HondurenhoReprodução Twitter

A confusão aconteceu em uma das saídas do local depois que milhares de torcedores tentaram forçar a entrada para assistir a partida decisiva. Como o estádio já estava praticamente lotado, com cerca de 30 mil pessoas, a polícia precisou intervir lançando gás lacrimogéneo e recorreu a canhões de água, causando pânico e correria.

Em nota oficial, a polícia local acredita que foram vendidos mais ingressos do que a capacidade máxima do estádio permite. Pois, o palco do duelo já estava superlotado e muitos torcedores que ainda estava do lado de fora estavam com bilhetes em mãos.

Segundo as autoridades, os ânimos se exaltaram quando os torcedores que ainda não haviam entrado no estádio perceberam que não poderiam assistir o jogo. Diante do tumulto os policiais tiveram que usar a força para conter a multidão.

De acordo com Miguel Osorio, o assessor do hospital universitário, as vítimas morreram por asfixia e múltiplas fraturas depois de serem esmagadas, e ele ainda disse que uma mulher grávida perdeu o bebê depois de sofrer ferimentos graves.

O JOGO

Em campo, depois de toda confunsão do lado de fora do estádio, o Motagua venceu o Honduras Progreso por 3 a 0, fez 7 a 1 no placar agregado dos dois jogos e se sagrou bicampeão nacional.

Últimas de Esporte