Apresentador da Rede Globo manda recado a Jô após gol de mão: 'Deus tá vendo'

Corinthians derrotou o Vasco graças a um gol irregular do atacante

Por O Dia

Rio - O gol de mão do corintiano Jô contra o Vasco foi o tema principal do quadro esportivo do Fantástico, neste domingo. O apresentador Tadeu Schmidt fez questão de criticar a postura do atacante, inclusive afirmando que 'Deus está vendo'.

FOTOGALERIA: Gol de Jô com a mão no Vasco gera memes na Web

Gol de Jô foi o principal tema focado por Tadeu Schmidt Reprodução

Após o analista de arbitragem da Globo Renato Marsiglia afirmar que os dois pênaltis pedidos por Jô foram 'mergulhos' do jogador, Tadeu condenou a forma como aconteceu o gol: "Quando Jô finalmente fez o seu gol, não foi legal. Em qualquer sentido que você deseja usar a palavra legal, não foi. Foi com o braço. O vigia estava ali pertinho e não viu. Mas Deus tá vendo, Jô. E o Corinthians venceu com um gol de braço do Jô", afirmou.

O apresentador ainda deu um conselho a Jô. "Olha aqui pra mim. Um gol a mais ou um gol a menos não vai mudar nada a sua vida. Mas já pensou, Jô, se você se acusa e o juiz anula o gol, que gesto lindo, que exemplo! Seria notícia no mundo inteiro".

"Ele fez o que a grande maioria das pessoas faria. E até pouco tempo atrás, aliás, ninguém nem reclamava. Pelo contrário, até exaltava. Lembra o gol de mão do Maradona? Pois é, foi feio, foi errado, do mesmo jeito. Não foi nada de bonito, mas não seria legal se isso começasse a mudar?", afirmou.

Para encerrar, o 'Fantástico' ainda lembrou de um lance ocorrido na semifinal do Campeonato Paulista deste ano, onde o são-paulino Rodrigo Caio se acusou e evitou que Jô fosse expulso injustamente e ficasse de fora do jogo da volta. Na ocasião, o corintiano elogiou muito o colega de profissão.

Últimas de Esporte