Em biografia, estrela do UFC revela que pai o agredia e abusava de sua irmã

Mark Hunt é um lutador dos pesos pesados do Ultimate

Por O Dia

Rio - Um dos principais nomes do peso pesado do UFC, o lutador nascido na Nova Zelândia, Mark Hunt, vai lançar a sua biografia em breve, mas já repercute, antes mesmo da publicação. No livro chamado "Born to Fight" (Nascido para lutar), o lutador revelada que ele e os seus irmãos foram espancados algumas vezes pelo seu pai.

Biografia de Mark Hunt tem revelaçõesDivulgação

“Meu pai nos batia com qualquer coisa que ele encontrasse, e com qualquer ferramenta: punhos, pés, cabos de vassouras, varas, fios elétricos, até com a mangueira que passava de uma máquina de lavar para a torneira”, afirma Hunt.

Além disso, ele ainda dá a entender que uma das suas irmãs era abusada pelo pai. "Eu costumava achar que ele pegava mais leve com a minha irmã mais velha, Victória, mas isso não significava que ela não apanhava. Todos nós achávamos que nosso pai pegava mais leve com ela. Ele costumava levá-la para o quarto dele, mas nós não ouvíamos barulhos e tapas de uma surra quando isso acontecia, e ela também não saía de lá com sangue ou com hematomas. Não era justo. Nós sabíamos que algo estranho acontecia naquele quarto, mas nós não fazíamos ideia de que era algo abominável e pecaminoso”, disse.

O pai de Hunt acabou sendo preso. Porém, a vida do lutador teve outros graves sofrimentos. No livro, ele revela que ele e os irmãos passaram fome.

“Não fiquei aliviado quando meu pai foi levado para a prisão... Eu apenas sabia que ele iria ficar longe e que nós teríamos menos comida ainda em nossa casa. Todos nós queríamos ver o velho, menos a Victória, claro. Quando eu finalmente o vi, me senti mal por ele. Ele tinha olhos profundos, e parecia muito triste e solitário. Eu nunca o vi daquele jeito antes”, conta.

Últimas de _legado_MMA