Vice presidente responde Luxa: 'Nossa gestão é para tirar o Fla da falência'

Walter D’Agostino rebateu treinador que criticou dirigentes

Por O Dia

Rio - Após as críticas de Vanderlei Luxemburgo, o vice-presidente do Flamengo, Walter D’Agostino, resolveu comentar a saída do treinador do Rubro-Negro. Em entrevista à Rádio Brasil, o dirigente rebateu o treinador que afirmou que a gestão atual do clube carioca não entendia de futebol.

Walter D’Agostino ao lado do ex-jogador JúniorDivulgação

"A nossa gestão tem uma característica própria. Não vou me meter em assunto de futebol. É um direito que ele tem de falar. O que eu posso fazer? O Flamengo é feito de uma maneira administrativa que nunca mais vai sair do Flamengo. É um tipo de gestão que veio, não foi para tirar o Flamengo da Segunda Divisão não, foi para tirar o Flamengo da falência", afirmou.

LEIA MAIS: Notícias, contratações e bastidores: confira o dia a dia do Flamengo

D’Agostino ainda comentou as declarações de Luxa de que ele e o diretor executivo do Flamengo, Rodrigo Caetano, eram pouco ouvidos pela gestão. Segundo o vice-presidente, o que a cúpula do Rubro-Negro faz é debater todas as proposições.

"Ninguém esta lá para dizer amém. A gente discute as ideias. É que provavelmente ele estava querendo trazer jogadores. E daí? Eu também queria. Mas nós não temos dinheiro para trazer. Ele queria melhorar. Mas a gente não esta tendo meios. Ele está falando e tem todo direito. Está magoado. Foi demitido, mas não foi demitido à toa. Pergunta para a torcida se eles estão satisfeitos", concluiu.