Flamengo cura 'ressaca', bate o Sport e aumenta confiança para brigar pelo G-4

Rubro-Negro, com um homem a mais, domina o jogo e vence

Por O Dia

Pernambuco - Nada melhor do que uma vitória para curar uma recente eliminação. A "ressaca" passou. O Flamengo mostra que o ano ainda não acabou. O sonho de alcançar o G-4 do Brasileiro está vivo. O triunfo sobre o Sport, neste domingo, por 1 a 0, na Arena Pernambuco, reacende o ânimo do clube carioca. É possível sorrir em 2015.

Everton surgiu como centroavante e fez o gol para o FlamengoGilvan de Souza / Flamengo / Divulgação

O Flamengo emplacou a segunda vitória consecutiva no Brasileiro. Agora, o sonho de alcançar o G-4 se torna mais possível. O Rubro-Negro pula para 29 pontos, cinco a menos do que o Palmeiras, primeiro clube no G-4, e está na 10ª colocação. De fato, o ano ainda não acabou... 

FOTOGALERIA: As imagens da vitória do Flamengo sobre o Sport

Na próxima rodada, nesta quarta-feira, às 21h, o Flamengo encara o Avaí. O jogo, com mando rubro-negro, será disputado na Arena das Dunas, em Natal. O Sport vai jogar fora de casa, na quarta, às 22h, contra o Coritina, no Couto Pereira.

O jogo

O Flamengo deu o bote logo no início do jogo. Aos quatro minutos, Canteros lançou Pará. O lateral-direito cruzou na medida para Everton fazer 1 a 0. O Sport se aproveitou de um erro de passe de Canteros e obrigou Paulo Victor a trabalhar. Wendel chutou com força, mas o goleiro mandou a escanteio. Na cobrança, o tormento aéreo do Fla. Matheus Ferraz ganhou pelo alto e acertou o travessão.

LEIA MAIS: Notícias, contratações e bastidores: confira o dia a dia do Flamengo

O clube carioca conseguiu resistir à pressão do Leão e ficou em vantagem númerica. Samuel Xavier entrou de sola e acertou Alan Patrick. O lateral-direito recebeu, justamente, cartão vermelho diretamente. O segundo gol quase aconteceu. Sheik chutou colocado, mas Danilo Fernandes defendeu. O rebote por pouco não ficou à feição de Kayke. Porém, Renê se esticou e evitou que o atacante completasse para o fundo da rede. O Flamengo teve maior posse de bola, mas não conseguiu ampliar o placar.

VEJA MAIS: Confira a tabela e classificação do Campeonato Brasileiro

O reencontro entre Hernane e Flamengo durou apenas o primeiro tempo. O Brocador, artilheiro do clube carioca na conquista da Copa do Brasil de 2013, deu lugar a André no intervalo. Quem também saiu foi Diego Souza. Elber entrou. O Fla quase ampliou. Everton cruzou da esquerda, mas Kayke não conseguiu completar como deveria. A bola passou perto.

Oswaldo de Oliveira fez a primeira mudança. Ele sacou Kayke, substituto de Guerrero, e colocou Marcelo Cirino. Kayke até buscou o jogo e se movimentou, mas não fez um bom jogo. O Flamengo dominava o jogo, tinha maior posse de bola, mas não definia a partida. Faltava caprichar no contra-ataque. Oswaldo mudou de novo. Emerson, em atuação abaixo da crítica, deu lugar a Paulinho.

O Flamengo seguiu superior. Alan Patrick quase marcou. Paulinho parou em Danilo Fernandes. As chances não fizeram falta. O clube carioca conseguiu a vitória e ainda sonha com o G-4. O ano ainda não acabou.

FICHA TÉCNICA

SPORT 0X1 FLAMENGO

Estádio: Arena Pernambuco
Árbitro: Bráulio da Silva Machado
Gol: Everton (Flamengo, aos 4' do 1ºT)
Cartão amarelo: Diego Souza (Sport) e Canteros, Kayke, César Martins, Pará e Emerson Sheik (Flamengo)
Cartão vermelho: Samuel Xavier (Sport, aos 22' do 1ºT)

SPORT: Danilo Fernandes; Samuel Xavier, Matheus Ferraz, Durval e Renê; Rithely, Wendel, Marlone (Ferrugem, aos 36' do 1ºT) e Diego Souza (Elber, no intervalo); Maikon Leite e Hernane (André, no intervalo); Técnico: Eduardo Baptista.

FLAMENGO: Paulo Victor; Pará, César Martins, Samir e Jorge; Márcio Araújo, Canteros e Alan Patrick; Everton (Luiz Antonio, aos 44' do 2ºT), Emerson Sheik (Paulinho, aos 31' do 2ºT) e Kayke (Marcelo Cirino, aos 12' do 1ºT); Técnico: Oswaldo de Oliveira.