Vasco entra em campo para uma vida nova

Meta é esquecer 2014 e reescrever a história já contra a Cabofriense

Por O Dia

Rio - Vice-campeão estadual, com direito a gol irregular do Flamengo na final, e uma Série B de Brasileiro sem brilho, que em momento algum empolgou. Definitivamente, o torcedor do Vasco quer esquecer 2014. Agora, com nova diretoria, nova comissão técnica e um time praticamente todo remontado, ele sonha ver os jogadores resgatarem os dias de glória na Colina. A começar contra a Cabofriense, no domingo, às 17h, no Moacyrzão, onde o Vasco estreia no Carioca de 2015.

Doriva faz sua estreia oficial pelo VascoDivulgação

Com 15 jogadores contratados, o Vasco foi — dos considerados grandes — o clube que mais se reforçou no Rio. De quebra, fez uma faxina no elenco. No time titular treinado pelo técnico Doriva, que chegou no fim do ano passado, apenas três jogadores que atuaram do último ano continuam no grupo: o goleiro Martín Silva, Rodrigo e Luan.

LEIA MAIS: Notícias, contratações e bastidores: confira o dia a dia do Vasco

Os dois últimos, por sua vez, reeditam a dupla de zaga menos vazada do Campeonato Carioca passado. “Não vou ficar elogiando muito, pois ele sempre me sacaneia (risos). Mas atuar ao lado do Rodrigo é fácil. É um grande jogador, que se preocupa com o meu crescimento”, frisou Luan. “O entrosamento com o Luan é muito bom, dentro e fora de campo”, completou Rodrigo.

LEIA MAIS: Notícias, resultados e bastidores do Campeonato Carioca

Mas, nos primeiros jogos, o torcedor terá um pouco de dificuldade para identificar quem é quem no Vasco. Sem dinheiro em caixa, a diretoria apostou em atletas jovens, ainda sem muita expressão no cenário nacional e que buscam a oportunidade de realizar o sonho de defender um grande clube.

VEJA MAIS: Confira a tabela e classificação do Campeonato Carioca

A meta agora é buscar pelo menos um nome de peso para o ataque, setor considerado o mais carente do atual grupo.

Doriva volta a fechar treino e dúvida segue

Foram exatamente uma hora e dez minutos com os portões de São Januário fechados. O suficiente para o técnico Doriva terminar a preparação do time que estreará no Campeonato Carioca e manter o mistério em torno da escalação. Quando a imprensa foi liberada para acompanhar as atividades, apenas os reservas estavam em campo disputando um animado rachão.

Próximo do acerto com o Vasco, o atacante Gilberto, que pertence ao Toronto FC, do Canadá, e está liberado para um período de treinamentos na Colina, participou dos trabalhos em campo. Ele, que aguarda a definição de seu futuro, foi um dos destaques no treino de finalização.