China reduz compra de soja do Brasil em 45% no mês de março

No acumulado dos primeiros três meses do ano, o volume somou 535,3 mil toneladas, recuo de 49% na comparação anual

Por O Dia

A China recebeu 507,3 mil toneladas de soja do Brasil em março, queda de 45,4% ante o mesmo mês de 2014, informou nesta quarta-feira a Administração Geral de Alfândega do país.

No acumulado dos primeiros três meses do ano, o volume somou 535,3 mil toneladas, recuo de 49% na comparação anual.

Por outro lado, a China importou em março 3,8 milhões de toneladas de soja dos Estados Unidos --seu principal fornecedor nesta época do ano--, uma alta de 3% na comparação com março de 2014.

Desde janeiro, a soja norte-americana entregue na China já soma 14,4 milhões de toneladas, alta de 5%.

O desembarque de soja registrado pelas autoridades chinesas foi carregado no Brasil entre o fim de 2014 e as primeiras semanas de 2015, período de entressafra e pouca disponibilidade nos portos brasileiros.

A colheita da safra 2014/15 do Brasil também começou ligeiramente atrasada em várias regiões, refletindo lentidão no plantio.

Últimas de _legado_Notícia