Médicos acreditam que anabolizantes teriam prejudicado saúde de Netinho

Segundo boletim médico, cantor apresentou melhora, respira sem ajuda de aparelhos e está consciente

Por O Dia

São Paulo - O uso de anabolizantes pode ter causado os problemas de saúde no cantor Netinho, internado no Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, de onde veio transferido da Bahia, quando deu entrada com problemas no fígado. De acordo com o boletim médico divulgado na tarde deste domingo, Netinho apresentou melhora clínica e laboratorial, respira sem a ajuda de aparelhos e tem estado de consciência conservada.

Momento em que cantor chega de maca ao Hospital-Sírio Libanês para tratar problemas vasculares no abdômenReprodução Internet

"Várias substâncias que são utilizadas para a fisicultura como nós dizemos. E eventualmente algumas que são utilizadas também supostamente para reverter ou deter o envelhecimento. Nós temos prescrições médicas, de médicos fora da Bahia, que foram prescritas diversos medicamentos desse tipo pra ele”, disse o cirurgião Jorge Bastos, em entrevista ao "Fantástico" deste domingo.

Netinho sentiu uma dor forte na coxa direita durante seu treino numa academia. Ele procurou a emergência de um hospital no dia 18 de abril. Depois de uma série exames, os médicos constataram uma lesão incomum: o rompimento do músculo ilíaco. Numa ressonância da área do abdômen, foram descobertas as alterações no fígado.

Internado na Bahia em estado gravíssimo no dia 24 de abril, após sentir fortes dores no corpo e diagnosticado com tumores benignos no fígado no mês passado, o cantor passou a ser entendido na capital paulista pela equipe dos Drs. Roberto Kalil Filho, Raul Cutait e David Uip, os mesmos profissionais que cuidaram da presidente Dilma Roussef, do ex-presidente Lula, de José Serra e do ator Reynaldo Gianecchini.

Últimas de _legado_Brasil