Trabalhadores vão atrás de formulários do INSS

Mais de 200 segurados preenchem documento para saber por carta o tempo de contribuição

Por O Dia

Rio - Mais de 200 segurados do INSS acima de 45 anos de idade preencheram e entregaram ontem o formulário para receber a simulação da contagem de tempo de serviço em casa por meio de cartas. No primeiro dia de distribuição do documento em 18 agências da Gerência Centro, 208 foram protocolados com o pedido do serviço. O projeto-piloto será testado no Rio para abrir vagas em outros tipos de atendimento, conforme antecipou, com exclusividade, a Coluna do Aposentado de domingo.

A auxiliar de escritório Vanderléa Guimarães Barbosa preencheu ontem mesmo formulário na agência Presidente Vargas da Previdência SocialMárcio Mercante / Agência O Dia

A procura pelo formulário ficou além da expectativa da gerência. A estimativa inicial é que devem ser emitidas 1,5 mil correspondências por mês. Na avaliação do gerente-executivo Flávio Souza, se mantida essa procura do primeiro dia serão mais de 4 mil pedidos de envio a cada mês.

“Como há demanda reprimida, o movimento será grande no começo. Mas a tendência é haver ajuste na procura pelo serviço”, avalia o gerente.

Ele informou que o primeiro lote de cartas começou a ser enviado ontem com dados dos 180 trabalhadores que preencheram o formulário no mutirão da Central do Brasil em 27 e 28 de junho. As correspondências vão chegar em até duas semanas.

SEM PERDA DE TEMPO

Ao tomar conhecimento do serviço, a auxiliar de escritório Vanderléa Guimarães Barbosa, de 49 anos, não perdeu tempo e foi à agência Presidente Vargas do INSS para preencher o documento.

“Já devo ter 30 anos de carteira assinada. O problema é que não tenho noção exata de quanto tempo tenho de contribuição, e por isso vim atrás do formulário”, disse.

Gerente da agência Almirante Barroso, Andréia Xavier destacou que o serviço ajudará a cobrir os pedidos de esclarecimentos sobre a contagem do tempo de contribuição. “Muitos segurados vêm à agência querendo informações sobre tempo de contribuição. Demos solução positiva a população”, afirmou.

Instituto inclui outros 196 mil na lista da revisão de auxílio

Mais de 196 mil segurados do INSS foram incluídos no segundo lote para pagamento da revisão de auxílio-doença calculados com erro. Os recursos que serão liberados em maio do ano que vem serão pagos a 196.740 beneficiários da Previdência que passaram a fazer parte da listagem .

Vai receber quem tinha de 46 a 59 anos em 17 de abril de 2012 e que ainda teve o benefício calculado com erro naquela data. O valor máximo de atrasados desse lote é de R$ 6 mil.

A revisão é devida a 2,3 milhões de aposentados, pensionistas e trabalhadores de todo o país que receberam benefícios por invalidez entre 17 de abril de 2002 e 19 de agosto de 2009. Eles tiveram os cálculos dos valores feitos de forma equivocada.

O acordo de pagamento da revisão foi firmado em agosto do ano passado entre o Ministério Público Federal de São Paulo e o Sindicato Nacional dos Aposentados, que é ligado à Força Sindical.

COMO ACOMPANHAR A CONTAGEM

MANUAL
Ao receber a correspondência em casa, os trabalhadores também terão acesso ao manual para simular contagem de tempo.

ANDAMENTO
Com as informações, o trabalhador vai poder acompanhar o andamento das contribuições previdenciárias feitas ao longo dos anos e também nos empregos em que passou.

LINK
O segurado pode entrar no link https://goo.gl/Up8OJ e clicar no menu “Sistemas” e depois em “Simulação de Contagem de Tempo”.

DIGITAR NIT
É preciso digitar o Número de Identificação do Trabalhador (NIT) e o código de segurança que aparecerá na tela do computador.

DADOS PESSOAIS
O próximo passo é digitar a data de nascimento do segurado, sexo, nome completo e da mãe e o CPF. Em seguida, deverá selecionar “Confirmar”.

ADMISSÃO E SAÍDA
Vão aparecer campos para colocar datas de admissão e de saída dos empregos. É possível incluir novos períodos de vínculos. Clique em “Gerar Relatório”.

Últimas de _legado_Economia