EUA estão prontos para agir em terra contra Estado Islâmico, diz autoridade

Obama teria sido aconselhado por órgão de segurança a mudar o posicionamento dos militares norte-americanos

Por O Dia

Estados Unidos - O secretário de Defesa norte-americano, Ashton Carter, anunciou que os EUA estão prontos para agir em terra e na linha de frente dos combates contra o Estado Islâmico (EI, ex-Isis) na Síria e no Iraque, mas que a decisão final cabe ao presidente Barack Obama.

Nesta terça-feira, o jornal "The Washington Post" divulgou que conselheiros de segurança nacional teriam recomendado a Obama uma mudança no posicionamento dos militares norte-americanos na luta contra o EI, como o envio de soldados para a linha de frente.

Obama teria sido aconselhado a mudar estratégia militar contra o Estado Islâmico Reprodução Internet e EFE

Outra ideia analisada é o envio de um esquadrão de oito helicópteros de combate Apache, o que reduziria a necessidade de aumentar a tropa na região, já que os veículos trabalham junto com os soldados no ataque a alvos específicos em solo.

Caso aprovada por Obama, a mudança representaria uma significante escalada do papel dos EUA nas guerras da Síria e do Iraque. Desde o ano passado, os EUA lideram uma coalizão internacional que bombardeia alvos do EI na Síria e no Iraque. Em setembro, porém, a Rússia começou a atacar o território sírio de maneira independente, despertando suspeitas de que seu objetivo principal fossem os opositores ao regime de Bashar al-Assad, e não o EI.

Últimas de _legado_Mundo e Ciência