Policiais fazem varredura em favelas do Rio Comprido, na Zona Norte

Moradores relatam tiroteio intenso. PM nega que alguém tenha ficado ferido na ação

Por O Dia

Rio - Moradores do Rio Comprido foram acordados com um tiroteio na manhã desta sexta-feira. Através do WhatsApp do DIA (98762-8248), leitores relataram que as polícias Civil e Militar realizavam operação no morro do Fogueteiro. Fotos do Batalhão de Choque da PM circulando pela comunidade também foram enviadas.

Procurada, a Polícia Civil afirmou desconhecer operação que envolva a delegacia da região. Já a Polícia Militar disse, através da Coordenadoria de Polícia Pacificadora, que uma varredura é feita na região pelos policiais da Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) Coroa/Falet/Fogueteiro. A PM confirmou também que o Batalhão de Ações com Cães (BAC) participa da ação, mas negou que o Batalhão de Choque esteja no local.

A coordenadoria ainda disse que, durante a entrada das equipes, alguns disparos foram ouvidos, mas informou que não há registro de feridos.

Policiais fazem varredura em favelas do Rio Comprido no início da manhãWhatsApp O DIA (98762-8248)
Carro do Batalhão de Choque circula pela comunidadeWhatsApp O DIA (98762-8248)


Últimas de Rio De Janeiro