Homem que fingia ser policial civil para evitar problemas com o carro é preso

No interior do veículo de Abner Kerisck, de 41 anos, os agentes apreenderam um cassetete e um simulacro de arma de fogo

Por O Dia

Rio - Um falso policial civil foi preso na noite de quinta-feira pela Corregedoria Interna da Polícia Civil (Coinpol). Identificado como Abner França Kerisck, de 41 anos, o homem alegou que fingia ser da polícia para evitar que seu veículo fosse apreendido durante alguma fiscalização, em razão de tributos em atraso.

Um simulacro de arma de fogo foi encontrado no interior do veículo de Abner França Kerisck%2C de 41 anos%2C preso por fingir ser um policial civilDivulgação

O carro utilizado por Abner, um Cobalt, era equipado com um giroflex no teto e sirene. No interior do veículo os policiais apreenderam um simulacro de arma de fogo, um cassetete retrátil, uma cópia de uma carteira funcional com foto do detido e um contracheque.

Também foi encontrado com Abner uma autorização autorização de trânsito livre para o seu veículo com o símbolo impresso da própria Coinpol.

Abner França responderá pelos crimes de fingir ser funcionário público e uso de apetrechos. O nome do verdadeiro policial no documento e no contracheque não foi revelado para não atrapalhar o prosseguimento da investigação.

Últimas de Rio De Janeiro