Policial militar é encontrado morto na Baixada Fluminense

Subtenente Reginaldo Cândido, lotado no 21ºBPM (São João de Meriti), seguia para o trabalho quando foi assassinado

Por O Dia

O subtenente Reginaldo Cândido de Souza%2C lotado no 21ºBPM%2C foi morto a tiros nesta quinta-feira%2C em Mesquita%2C na Baixada FluminenseDivulgação / WhatsApp do DIA (98762-8248)

Rio - Mais um policial militar foi assassinado neste ano no Rio de Janeiro. Nesta quinta-feira, o subtenente Reginaldo Cândido de Souza, 48 anos, lotado na Policlínica do 21ºBPM (São João de Meriti), foi encontrado morto dentro de seu carro, na Rua Bernardino Borges Reis, em Cosmorama, bairro de Mesquita, na Baixada Fluminense.

Segundo informações, o policial teria sido morto dentro de seu Picasso quando saía de casa para o trabalho. Cápsulas de calibre 12mm foram encontradas próximo ao veículo. Agentes da Delegacia de Homicídios da Baixada (DHBF), que investiga o caso, buscam imagens e informações que ajudem a encontrar o autor do crime.

A notícia da morte do PM acontece simultaneamente ao ato público organizado pela ONG Rio de Paz, nesta manhã, na Praia de Copacabana, na Zona Sul. Nas areias, estão as fotos dos 61 policiais militares mortos em 2015. O manifesto tem como objetivo cobrar do governo a melhoria das condições de trabalho, o amparo aos familiares das vítimas que foram assassinados e o socorro aos feridos, que carregam no corpo e na mente sequelas causadas pelo exercício da profissão.

LEIA: ONG realiza ato na Zona Sul em homenagem aos PMs mortos neste ano

Últimas de Rio De Janeiro