SuperVia distribui 100 mil bilhetes como punição após acidente em Mesquita

Termo de Ajustamento de Conduta celebrado entre Defensoria Pública e concessionária exige distribuição gratuita de bilhetes

Por O Dia

Rio - A SuperVia distribui gratuitamente na manhã desta quarta-feira 100 mil bilhetes para passageiros do ramal Japeri como ressarcimento pelos danos morais coletivos pelo acidente ocorrido em Mesquita, na Baixada Fluminense, no dia 5 de janeiro, quando mais de 170 pessoas ficaram feridas.

Leia mais:

Procon autua SuperVia por acidente em estação de Mesquita

Caos após batida entre trens da SuperVia facilitou saque a vítimas

Maquinista foi informado sobre problema na Supervia, diz delegado

Trem que bateu já apresentava problemas, afirmam passageiros

A distribuição ocorre próximo à bilheteria das 15 estações somente daquele ramal, no trecho entre Ricardo de Albuquerque e Paracambi, até que se atinja o total estipulado no Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) celebrado junto à Defensoria Pública do Estado do Rio de Janeiro. Funcionários da concessionária orientam os passageiros sobre os procedimentos.

Os bilhetes em papel moeda deverão ser trocados por um bilhete eletrônico, que, segundo a Secretaria Estadual de Transportes, dão direito a duas passagens (ida e volta) com validade de cinco dias em qualquer ramal do sistema ferroviário.

Atraso no ramal Saracuruna

Os trens do ramal Saracuruna circularam com atrasos na manhã desta quarta-feira. De acordo com o leitor Douglas Mendonça, a composição que deveria sair da Baixada Fluminense com destino à Central do Brasil às 6h53 só veio seguir viagem às 7h15. Por volta das 7h45, o trem que deveria ter partido às 7h21 ainda não tinha deixado a estação Saracuruna.

A SuperVia explicou que o atraso de 15 minutos na circulação ocorreu devido a uma ocorrência no sistema de sinalização. De acordo com a concessionária, as partidas foram reprogramadas e algumas composições precisaram aguardar ordem de circulação.

Últimas de _legado_O Dia 24 Horas