Programa “Minha Casa, Minha Vida” de Maricá inicia contratos na segunda

A previsão da Prefeitura é de que a entrega das chaves seja feita 30 dias após a assinatura do contrato.

Por O Dia

Rio - os futuros moradores dos conjuntos residenciais Carlos Mariguella, em Itaipuaçu, e do Carlos Alberto Soares de Freitas, em Inoã, que fazem parte do programa federal “Minha Casa, Minha Vida”, irão assinar os contratos dos apartamentos a partir da próxima segunda-feira (06/07), em dois períodos. Na parte da manhã, das 8h às 12h, assinam os beneficiários de Itaipuaçu, e durante à tarde, das 14h às 18h, serão atendidos os do residencial em Inoã. O evento acontece na Casa de Festa Palladon, Rua Dilson Antônio Legentil, nº 1, no Flamengo, e prossegue até o dia 10.

Os atendimentos foram divididos por blocos. Os moradores do bloco A do Residencial Carlos Mariguella serão atendidos no dia 6. No dia seguinte, também na parte da manhã, o atendimento é para os do bloco B e assim sucessivamente. O mesmo acontece no período da tarde com o residencial em Inoã.

Segundo a coordenadora do programa em Maricá, Lene de Oliveira, é importante que todos os beneficiários respeitem o dia e horários da assinatura do contrato com risco de perder o benefício. “Quem não assinar o contrato, mesmo que já tenha feito a vistoria, está sujeito a não concretizar o sonho da casa própria”, alerta.

A previsão da Prefeitura é de que a entrega das chaves seja feita 30 dias após a assinatura do contrato. A coordenadora ressalta que os beneficiários não devem esquecer de levar documento de identidade e CPF (cada cônjugue deve levar o seu) e os casados, cópia da certidão de casamento. Para quem for procurador de algum futuro morador, é preciso apresentar a procuração, modelo CEF, feita em cartório.

Últimas de _legado_O Dia no Estado