PM é morto a tiros na Baixada

Segundo a Polícia Civil, vítima foi abordada por dois homens em uma moto

Por O Dia

Rio - A Delegacia de Homicídios da Baixada Fluminense (DHBF) investiga a morte do policial militar Wallace Guimarães de Souza, 27 anos, morto na noite desta sexta-feira durante um assalto na Rua Senador Fernando Mendes, em Nilópolis, na Baixada Fluminense.

De acordo com os agentes da DHBF, o soldado Wallace foi abordado por dois homens em uma moto por volta das 22h. Ao perceberem que se tratava de um policial, eles atiraram contra ele e fugiram com sua mochila. O militar chegou a ser levado para Hospital Juscelino Kubitschek, mas não resistiu aos ferimentos. Wallace, que era lotado na Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) Manguinhos, é o 23º PM morto em 2017. Ainda não informações sobre a data e local de sepultamento.

Mais uma vítima em Volta Redonda

Em Volta Redonda, no Sul Fluminense, Gemerson Augusto Chaves da Silva, lotado na UPP do Vidigal, Zona Sul do Rio, foi morto com um tiro no rosto após uma discussão em uma casa de shows no bairro Retiro. Ainda não há informações sobre o que teria motivado a confusão entre o atirador e a vítima.

Gemerson Augusto Chaves da Silva era lotado na UPP do Vidigal e foi morto com um tiro no rostoReprodução Internet

Gemerson foi socorrido para o Hospital São João Batista, mas não resistiu. De acordo com as primeiras informações, o suspeito do crime também é policial. A Polícia Civil, no entanto, ainda não confirmou a identidade do assassino.

Últimas de Rio De Janeiro