Palácio fica sem telefone por dívida

Problema foi solucionado nesta quarta-feira

Por O Dia

Rio - Também atingida por reflexo da crise financeira, a telefonia do Palácio Guanabara foi parcialmente interrompida na segunda-feira pela operadora Oi. Segundo a assessoria do Governo do Estado, a interrupção do serviço foi ocasionada por atraso de pagamento e o problema foi solucionado nesta quarta.

Sem revelar o valor do débito, a Oi informou que “suspendeu o fornecimento de parte das linhas telefônicas e links de dados do Governo do Estado do Rio de Janeiro, incluindo linhas telefônicas do Palácio Guanabara, devido à falta de resultado de negociações a respeito de dívida acumulada com a companhia”. A assessoria do Palácio afirmou que a internet não foi afetada.

Em nota, a operadora telefônica informou ainda que vem há meses tentando negociar a quitação da dívida com o Estado. O problema atingiu linhas de áreas administrativas do governo e não afetou o funcionamento de serviços essenciais, explicou a Oi.

Últimas de Rio De Janeiro