Suspeito de envolvimento na morte do ex-companheiro é presa

Segundo agentes, mulher pediu que suspeitos de tráfico matassem vítima

Por O Dia

Rio - Uma mulher foi presa, neta quarta-feira, por envolvimento na morte do ex-companheiro, no bairro de Itaintidiba, em São Gonçalo. A vítima, Fábio Marcelo Pereira, tinha problemas mentais e foi assassinado a pauladas. Ele foi encontrado em um terreno baldio perto da própria residência, na última sexta-feira. Investigações apontam que Cristina Conceição da Silva Oliveira teria ‘encomendado’ a morte de Fábio por meio de um dossiê entregue a criminosos.

Cristina foi capturada por policiais da Delegacia de Homicídios de Niterói, São Gonçalo e Itaboraí (DHNSGI) na casa em que vivia com o ex-companheiro. Ela não reagiu.

Segundo informações do delegado Marcus Amim, responsável pelo caso, Cristina pediu ao seu ex-companheiro para elaborar um dossiê com a movimentação do tráfico que acontecia no condomínio, onde morava, alegando que usaria contra a síndica, seu desafeto. Entretanto, Cristina mostrou o documento aos criminosos para que eles matassem Fábio.

“Ainda estamos apurando se a mulher foi mandante do crime ou executora. As investigações revelaram a crueldade dela”, destacou o delegado. Contra Cristina foi cumprido mandado de prisão temporária de 30 dias por homicídio qualificado. Caso condenada, ela pode ficar até 30 anos presa.

Últimas de Rio De Janeiro