Bope faz nova operação na Cidade de Deus e mais de 5 mil alunos ficam sem aula

Moradores relataram intenso tiroteio na comunidade nesta terça-feira

Por O Dia

Rio - Policiais do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) fizeram, na manhã desta terça-feira, uma nova operação na Cidade de Deus, na Zona Oeste do Rio. Não há informações sobre presos ou feridos. 

No início da manhã, moradores relataram intensos tiroteios na favela. Por segurança, 12 escolas, três creches e quatro Espaços de Desenvolvimento Infantil (EDIs) foram fechados. Ao todo, 5.101 alunos ficaram sem aulas.

Segundo a PM, durante a incursão, as equipes policiais foram recebidas a tiros e após vasculhamento da comunidade foram apreendidos um fuzil calibre 5,56, um carregador com 16 munições calibre 5,56, dois rádios comunicadores, 64 papelotes de crack, 254 pinos de cocaína e 600 trouxinhas da maconha.

A ocorrência está sendo apresentada na 32ª DP (Taquara).

Na madrugada desta segunda-feira, policiais da 42ª DP (Recreio) apreenderam 885 tabletes de maconha — o equivalente a quase uma tonelada — na Avenida Arroio Fundo, perto da Cidade de Deus. O droga estava camuflada em sacos de entulho em um terreno baldio.

Suspeito e PM ficam feridos em tiroteio na Cidade de Deus

Um suspeito e um policial militar ficaram feridos durante um tiroteio na Cidade de Deus, na manhã desta segunda. Segundo o comando do 18ºBPM (Jacarepaguá), PMs do batalhão foram ao local em auxílio à Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) Cidade de Deus. Os militares foram recebidos a tiros por criminosos na localidade conhecida como Quadras durante a rendição do serviço na comunidade.

O criminoso ficou ferido e uma pistola foi apreendida. Não há informações sobre sua identificação, estado de saúde e nem para onde ele foi levado. O PM foi ferido na mão e, posteriormente, encaminhado para o Hospital Municipal Lourenço Jorge, na Barra da tijuca. De acordo com a comando da UPP, seu quadro de saúde é estável.

Últimas de Rio De Janeiro