Motociclista é morto a tiros na Avenida Brasil

Segundo BPVE, ele teria sofrido uma tentativa de assalto na altura do Caju na manhã desta quarta-feira

Por O Dia

Rio - Um motociclista foi morto a tiros, por volta das 7h30 desta quarta-feira, na Avenida Brasil, na altura do Caju, na Zona Portuária. A informação foi confirmada pelo Batalhão de Policiamento em Vias Expressas (BPVE). De acordo com a polícia, Eduardo de Araújo Silva, 26 anos, teria sido vítima de uma tentativa de assalto.

Motociclista é morto a tiros na Avenida BrasilSeverino Silva / Agência O Dia

Policiais do 4º BPM (São Cristóvão) e o Corpo de Bombeiros também foram acionados para o local. O corpo do homem foi encontrado perto de sua moto, uma Honda CB 250F Twister vermelha. 

Motociclista é morto em tentativa de assalto na Avenida Brasil%2C altura do CajuEstefan Radovicz / Agência O Dia

Segundo a Polícia Civil, uma perícia já foi realizada no local e os agentes procuram possíveis testemunhas e imagens de câmeras de segurança para tentar identificar os suspeitos do crime. A ocorrência foi registrada na Delegacia de Homicídios da Capital (DH).

O corpo de Eduardo foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML). Segundo sua companheira, Neliane dos Santos Silva, 29 anos, Eduardo era porteiro e trabalhava em Ipanema. Ainda de acordo com Neliane, ela descobriu a morte do marido após uma ligação da irmã, que mora na Paraíba e leu uma notícia sobre o caso. "Minha irmã ligou perguntando por ele, eu falei que deveria estar em casa. Ela perguntou se eu tinha certeza, porque viu uma reportagem sobre o caso e tinha o nome dele, a foto dele. Quando aconteceu, ele já estava quase em casa", disse.

Neliane e Eduardo moravam no Caju, altura da passarela 4 da Brasil. O crime aconteceu na altura da passarela 1. 

Colaboraram Adriano Araujo e a estagiária NadedJa Calado, sob supervisão dos repórteres

Últimas de Rio De Janeiro