Supervia interrompe circulação entre as estações Gramacho e Saracuruna

Agetransp vai investigar motivo do mau funcionamento; ramais Vila Inhomirim e Guapimirim também estão suspensos

Por O Dia

Rio - Um trem que seguia de Saracuruna para Gramacho (ramal Saracuruna) apresentou problema no pantógrafo (equipamento que liga o trem à rede aérea) e teve a viagem interrompida próximo à estação Gramacho por volta das 5h10 desta quinta-feira. Passageiros desembarcaram na via e seguiram até a plataforma da estação com auxílio dos agentes de controle. 

Neste momento, as estações Saracuruna, Campos Elíseos e Jardim Primavera estão fechadas para embarque e desembarque enquanto técnicos da concessionária trabalham nos reparos da rede aérea para normalizar a circulação o mais rápido possível e apuram as causas da ocorrência.

Portanto, no ramal Saracuruna trens circulam somente entre as estações Central do Brasil e Gramacho. Os ramais Vila Inhomirim e Guapimirim permanecem suspensos. Os passageiros estão sendo informados sobre a operação através do sistema de áudio dos trens e estações.

Agetransp apura as causas do mau funcionamento

A Agetransp (Agência Reguladora de Serviços Públicos Concedidos de Transportes Aquaviários, Ferroviários, Metroviários e de Rodovias do Estado do Rio de Janeiro) abriu um boletim de ocorrência para apurar as circunstâncias de um incidente com um trem do ramal ferroviário Saracuruna, na manhã desta quinta-feira. Além da verificação das causas da falha, os técnicos vão avaliar os procedimentos adotados pela concessionária SuperVia para o restabelecimento da normalidade na operação, que foi parcialmente interrompida no ramal, bem como o atendimento prestado aos usuários. A concessionária poderá ser multada.

Últimas de Rio De Janeiro