Desembarque do PP reforça o movimento pró-impeachment

A debandada de deputados fez o Placar do Impeachment do registrar 332 votos pelo afastamento da presidente Dilma

Por rafael.souza

Brasília - No dia seguinte ao anúncio de desembarque do PP, sete deputados da legenda passaram a se posicionar a favor do impeachment da presidente Dilma Rousseff. Seguindo essa tendência, outros 19 parlamentares também manifestaram voto pela saída da petista.

A debandada de deputados fez o Placar do Impeachment do jornal O Estado de S. Paulo registrar 332 votos pelo afastamento de Dilma. Também contribuíram para esse acréscimo de 26 votos pró-impeachment em relação à atualização anterior filiados ao PMDB (5), PSD (3), PRB (2), PTB (3), PSB (1), PR (2), PHS (1) e PTN (1).

Presidente Dilma em roda de entrevistas com jornalistas de Brasília%2C ontem no Palácio do PlanaltoRoberto Stuckert Filho/PR

O deputado Cadoca (sem partido-PE) também se declarou favorável ao impedimento. Os dois votos do PRB, de Cleber Verde (MA) e Lindomar Garçon (RO), eram os últimos necessários para a bancada do partido votar de forma unânime pela saída de Dilma.

Mudança

Na atualização dessa quarta-feira, o grupo contrário ao afastamento da presidente perdeu um voto e o placar passou para 124 posicionamentos contra a saída da presidente. O peemedebista Alberto Filho (MA), que mudou o voto para a favor do impeachment disse acreditar no "potencial" do vice Michel Temer.

Houve, ainda, três adesões contra o impeachment - os deputados Vicente Arruda (PDT-CE), Zeca Cavalcanti (PTB-PE) e Bebeto (PSB-BA) -, mas o placar não sofreu alteração porque três parlamentares do PP mudaram o voto e deixaram de constar como contrários ao impeachment: Iracema Portela (PI), Lázaro Botelho (TO) e Ricardo Barros (PR).

O número de indecisos caiu de 40 para 25. Do grupo dos que não quiseram responder fazem parte 32 deputados.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia