Artilheira na estreia, Victoria se surpreende com marca: 'Nunca imaginei'

Brasileira marcou seis gols na vitória do Brasil sobre os EUA, por 7 a 3

Por O Dia

Rio - Foi bem mais fácil do que se imaginava. Na estreia do goalball feminino na Paralimpíada, a seleção brasileira venceu por 7 a 3 os Estados Unidos e iniciou sua caminhada rumo ao ouro com o pé direito. Ou melhor, com a mão direita certeira de Victoria Amorim.

Artilheira da partida com seis gols, Victoria foi o porto seguro da goleada brasileira sobre as americanas, no reencontro das equipes após os Jogos Parapanamericanos de Toronto-2015, quando os Estados Unidos levaram a melhor.

"Nunca imaginava que faríamos esse placar e que eu fosse marcar todos esses gols. Sabíamos da dificuldade que era o jogo, mas conseguimos superá-las", disse a camisa 9 do Brasil.

A jogadora também fez questão de agradecer o apoio da torcida que esteve presente na Arena do Futuro.

"O pessoal vai se acostumando aos poucos com as regras do Goalball e até me surpreendeu o comportamento da torcida, que fez silêncio quando precisou. Somos muito gratas a eles", comentou a atleta.

No jogo de abertura do Goalball, entre Brasil e Suécia no masculino, o jogo precisou ser interrompido algumas vezes pelo barulho da torcida. No Goalball, devido à deficiência visual dos atletas, a recomendação é para que o público permaneça em silêncio e só se manifeste nos gols e nos intervalos.

A seleção feminina volta a quadra amanhã, às 18h45, diante do Japão, pela 2ª rodada do torneio olímpico.

*Reportagem de Antônio Júnior

Últimas de _legado_Paralimpíada