De férias no Brasil, Muriqui admite que seu sonho é voltar para o Vasco

Revelado pelo Madureira, Muriqui foi emprestado ao Vasco, onde disputou os Campeonatos Brasileiros de 2004 e 2005

Por O Dia

Rio - Nem Diego Souza, Rômulo ou Elton. O ex-vascaíno que está voltando para casa é o atacante Muriqui, 30 anos, que atua no FC Tokyo, do Japão. Após acertar as base salariais com o Vasco, ele só depende da rescisão com o clube japonês para assinar contrato por dois anos. Na segunda-feira, Muriqui esteve em São Januário e fez avaliações físicas no Caprres, pois ainda se recupera de lesão no joelho. 

Atacante pode estar de volta para São JanuárioDivulgação

Revelado pelo Madureira, Muriqui foi emprestado ao Vasco, onde disputou os Campeonatos Brasileiros de 2004 e 2005. Por causa de várias lesões, fez apenas 15 jogos e marcou três gols no período. Na sequência, defendeu Avaí e Atlético-MG antes de se transferir para o Guangzhou Evergrande, da China, em 2010, onde brilhou. Foi campeão da Liga dos Campeões da Ásia de 2013 e artilheiro da Liga Chinesa com 13 gols, batendo o recorde em uma edição da competição.

No time de Conca, Obina e Elkeson, foi Muriqui quem roubou a cena e virou ídolo. Marcou 77 gols em 133 partidas pelo time chinês e acumulou títulos: Campeonato Chinês (2011, 2012 e 2013), Copa da China (2012) e Supercopa da China (2012). Em 2014, ele assinou com o Al Sadd, do Catar, onde não rendeu o esperado. Pouco aproveitado, acabou emprestado para o FC Tokyo, em 2016. 

De férias no Brasil, Muriqui não esconde dos amigos que o seu sonho é voltar ao país, após seis anos morando na Ásia. Nos bastidores, porém, especula-se que seu salário chegaria a R$ 300 mil por mês. Se a contratação for confirmada, Muriqui será o segundo reforço da temporada — o primeiro foi o meia argentino Escudero.