UPP São João prende último suspeito por morte de policial

Bandido estava ferido em casa perto do local onde PM foi assassinado

Por O Dia

Rio - Policiais da Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) São João prenderam, na madrugada desse domingo, Igor de Souza Verlingue, conhecido como HG, de 19 anos, último suspeito de participação na morte do policial militar Samir da Silva Oliveira, na sexta-feira, 11, durante abordagem no bairro do Méier.

Igor foi encontrado numa casa na Rua 24 de maio, ferido e sendo cuidado por duas mulheres, uma delas auxiliar de enfermagem. O bandido havia sido ferido numa tentativa de assalto em que a vítima reagiu. A auxiliar de enfermagem confirmou que é ligada ao tráfico no Morro da Matriz e que pratica roubos na região do Méier e Engenho Novo.

A casa em que o traficante foi encontrado fica bem próxima ao local onde o policial foi baleado. O bandido foi encaminhado para a Divisão de Homicídios, que investiga o caso.

Igor de Souza Verlingue é é o último dos quatro criminosos presos por envolvimento na morte do soldado Samir da Silva Oliveira. No dia 11, poucas horas após o crime, policiais da UPP Lins e do Méier Presente prenderam outros três homens, um deles apontado como chefe do tráfico de drogas na comunidade Cachoeira Grande. Também foram apreendidos o carro usado pelo grupo, uma pistola e uma réplica de metralhadora.

Últimas de Rio De Janeiro