Globo de Ouro sem surpresas

Favoritos, longa ‘12 Anos de Escravidão’ e série ‘Breaking Bad’ foram premiados domingo

Por O Dia

Rio - O Globo de Ouro, que aconteceu no último domingo em Los Angeles, elegeu, em noite de gala e tapete vermelho, os melhores filmes e séries do ano que passou. Com poucas surpresas, a cerimônia, apresentada por Tina Fey e Amy Poehler, foi acompanhada por milhares de fãs e se tornou o assunto mais comentado das redes sociais em todo o mundo.  

Elenco de ‘12 Anos de Escravidão’, Melhor Filme de DramaDivulgação


Sucesso de crítica e público, a série ‘Breaking Bad’ se consagrou e levou o prêmio de Melhor Série Dramática de TV. Foi dela também o prêmio de Melhor Ator — Drama, para Bryan Cranston, por sua incrível interpretação como o protagonista Walter White.

A grande surpresa da noite ficou por conta de ‘Brooklyn Nine-Nine’. Inédita no Brasil, a produção abocanhou o prêmio de Melhor Série de TV — Comédia ou Musical, antes mesmo de chegar ao fim da primeira temporada, e deixou para trás queridinhos do público, como ‘The Big Bang Theory’, ‘Girls’, ‘Modern Family’ e ‘Parks and Recreation’.

Nas categorias cinematográficas, nada muito diferente do esperado. O comovente ‘12 Anos de Escravidão’, com estreia prevista para 28 de fevereiro no Brasil, confirmou o favoritismo e foi eleito Melhor Filme de Drama.

Na categoria de Melhor Comédia ou Musical, quem ganhou foi ‘A Trapaça’. Também pelo filme, a ganhadora do Oscar Jennifer Lawrence levou o prêmio de Melhor Atriz Coadjuvante. Porém, a loura chamou a atenção mesmo por seu vestido, que logo virou assunto e meme nas redes sociais.

O polêmico diretor Woody Allen recebeu a homenagem Cecil B. DeMille, mas, avesso a premiações, não compareceu e a atriz Diane Keaton, sua ex-mulher e musa de diversos filmes seus, recebeu a honraria em seu lugar. Nas redes sociais, outra ex-mulher, a atriz Mia Farrow, que vinha elogiando o Globo de Ouro, não perdeu a oportunidade de alfinetar o ex-companheiro:

“Hora de pegar um sorvete e mudar de canal para ver ‘Girls’”, disse. Não parou por aí. Ronan Farrow, filho adotivo do casal, não mediu palavras para falar do diretor no Twitter. “Perdi a homenagem a Woody Allen. Eles colocaram a parte em que uma mulher confirmou publicamente que ele a molestou aos 7 anos, antes ou depois de ‘Annie Hall’?”, escreveu.

Últimas de Televisão