Brasil tem atuação apagada, esbarra em Ochoa e fica no 0 a 0 contra o México

Com empate, seleção brasileira continua na liderança do grupo A, ao lado dos mexicanos; vantagem é no saldo de gols

Por O Dia

Ceará - Pedra no sapato da seleção brasileira, o México aprontou mais uma nesta terça-feira em Fortaleza. Em um confronto muito equilibrado, o Brasil não conseguiu sair do 0 a 0 diante do rival e perdeu os 100% de aproveitamento na Copa do Mundo. Dentro de campo, a Seleção não teve uma grande atuação, mas criou boas chances que foram defendidas pelo goleiro Ochoa, o melhor jogador em campo no Castelão.

LEIA MAIS: Felipão explica empate com o México: 'Espelho do jogo'

A Seleção não contou com Hulk, preservado. O atacante sentiu dores na coxa esquerda no treino de domingo. Felipão optou por Ramires. O Brasil jogou abaixo do esperado e parou em Ochoa.

O Brasil volta aos gramados contra a seleção de Camarões, na próxima segunda-feira, em Brasília. Já a equipe mexicana joga no mesmo dia contra  a Croácia. Ambas as equipes lideram o Grupo A com quatro pontos, mas a equipe verde amarela está em primeiro lugar por conta do saldo de gols.

LEIA MAIS: Brasileiros sofrem com piadas após empate com o México

Confronto entre Brasil e México foi muito equilibradoAndré Mourão / Agência O Dia

O JOGO

Contando com duas torcidas eufóricas no estádio, a partida entre Brasil e México começou bastante corrida. Ambas as equipes mostravam muita disposição e o início de jogo acabou sendo muito faltoso. Neymar era o principal alvo dos zagueiros da equipe da América do Norte, mas Daniel Alves também revidava os lances duros pelo lado brasileiro. A primeira boa chance de gol do Brasil foi com Fred. Aos 10 minutos, Oscar tocou para o atacante, que dentro da área finalizou para fora, o atacante estava impedido, mas o auxiliar não marcou e coube ao árbitro chamar para ele a responsabilidade e invalidar o lance.

LEIA MAIS: Notícias e bastidores da Copa do Mundo

Aos 23 minutos, o México chegou pela primeira vez com perigo. Herrera avançou pelo lado direito e soltou a bomba, Julio Cesar desviou para escanteio. Dois minutos depois, o Brasil respondeu e nesse momento apareceu pela primeira vez a estrela do goleiro mexicano Ochoa. Após boa jogada pela direita, Neymar cabeceou bem, mas o arqueiro se esticou todo e fez uma grande defesa.

LEIA MAIS: A tabela e a classificação da Copa do Mundo

Depois do começo instável, a marcação mexicana conseguiu se estabilizar. Com isso, as chances brasileiras rarearam. A Seleção só voltou a ameaçar aos 35 minutos e em uma jogada de bola parada. Neymar cobrou escanteio e Fred obrigou a Ochoa a trabalhar mais uma vez. Aos 38 minutos, Marcelo arriscou de fora da área, mas a bola passou sem muito perigo para a meta mexicana. Os rivais responderam com José Vázquez, mas a bola também não foi na direção do gol de Julio Cesar.

Ochoa fez grande defesa%2C após cabeçada de Neymar no primeiro tempoReuters

Sem muita movimentação, o Brasil perdeu a sua principal oportunidade na primeira etapa em um lance de bola parada. Depois de cruzamento de Neymar, Thiago Silva rolou com o peito para Paulinho que chutou para uma boa defesa de Ochoa, concretizando o nome do goleiro mexicano como o do principal nome da partida nos 45 minutos iniciais.

GALERIA: Brasil não fura bloqueio do México e não sai do zero

Como Ramires já tinha cartão amarelo e o Brasil precisava de mais agressividade para o segundo tempo, Felipão colocou Bernard no lugar do volante. Com apenas dois minutos, o jovem criou a primeira jogava ofensiva da Seleção no segundo tempo. Daniel Alves lançou o atacante, que entrou dentro da área e cruzou, mas a zaga mexicana foi mais rápida que Neymar e impediu a conclusão do camisa 10.

Só que o México começou a gostar do jogo. Com a marcação mais adiantada, os adversários passaram a chegar com mais perigo. Guardado e Vázquez arriscaram de fora da área com mais perigo para o gol brasileiro. A melhor oportunida foi com Herrera. O meia fez bela jogada e finalizou na entrada da área, a bola passou muito perto, mas Julio Cesar estava na jogada.

LEIA MAIS: Fred promete gol no jogo contra Camarões

O Brasil só voltou a assustar em uma cobrança de falta. Aos 17 minutos, Neymar bateu bem, mas a bola acabou indo para fora. Aos 22 minutos, Jô entrou no lugar de Fred e a Seleção criou uma grande chance. Após belo cruzamento de Marcelo, o camisa 10 brasileiro chutou e Ochoa fez grande defesa, a bola sobrou de novo com Neymar, mas a zaga mexicana conseguiu tirar a bola da área. Depois o próprio jogador do Atlético-MG perdeu uma boa chance depois de belo passe de Oscar, mas a finalização foi para fora.

Aos 40 minutos, outra chance impressionante perdida para o Brasil. Novamente em bola parada, Neymar cruzou e Thiago Silva cabeceou, mas Ochoa fez outra grande defesa, evitando que a Seleção conseguisse o seu gol na última oportunidade que teve no confronto.

FICHA TÉCNICA

BRASIL 0X0 MÉXICO

Estádio: Castelão / Fortaleza (CE)
Público: 60.342 presentes
Árbitro:
Cuneyt Cakir (TUR)
Cartões Amarelos: Ramires, Thiago Silva (BRA), Aguilar, Vázquez (MEX)
Cartões Vermelhos: -
Gols: -

BRASIL : Julio Cesar; Daniel Alves, Thiago Silva, David Luiz e Marcelo; Luiz Gustavo, Paulinho, Ramires (Bernard - Intervalo) e Oscar (38' do 2ºT); Neymar e Fred (22' do 2ºT - Jô)
Técnico: Felipão

MÉXICO: Ochoa; Aguilar, Rodríguez, Rafa Marquez e Moreno; Vázquez, Herrera, Guardado e Layún; Giovani dos Santos ( 38' do 2ºT - Raúl Jiménez) e Peralta (27' do 2ºT - Javier Hernández)
Técnico: Miguel Herrera


Últimas de _legado_Copa do Mundo