Mais um segurança de Rogério 157 é preso

Contra o traficante Tales Juan Costa dos Santos, conhecido como 'Talibã', havia três mandados de prisão em aberto

Por O Dia

Rio - O traficante Rogério Avelino da Silva, o Rogério 157, chefe da quadrilha que controla o comércio de drogas na Rocinha, perdeu o segundo segurança em menos de 24 horas. Tales Juan Costa dos Santos, conhecido como "Talibã", estava escondido em uma casa na Rua Paula Brito e foi preso por militares do Batalhão de Choque (BPChq).

Na segunda-feira, Adaílton da Conceição Soares, 32 anos, o Mão, foi preso em Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense.

Segurança de Rogério 157 é preso na Rocinha Divulgação Polícia Militar

Contra Tales havia três mandados de prisão em aberto. Ele era citado no Portal dos Procurados do Estado, que oferecia recompensa de R$ 1 mil para quem desse informações sobre o paradeiro dele.

De acordo com a polícia, Tales já foi preso outras vezes e cumpriu pena nas Penitenciárias Alfredo Trajan, Jonas Lopes de Carvalho e na Cadeia Pública José Frederico Marques. A ocorrência foi encaminhada à 11ª DP (Rocinha). 

Mão é preso em Nova Iguaçu

Na tarde de segunda-feira, Adaílton da Conceição Soares, 32 anos, conhecido como "Mão" no mundo do crime, e que é apontado pela polícia como um dos seguranças de Rogério 157, também foi preso. O homem foi encontrado em uma casa em Nova Iguaçu.

Na ocasião, o comandante da UPP Rocinha, major Daniel Cunha Neves, informou que as mudança de facções e disputas internas na Rocinha fizeram com que "Mão" ficasse presente reforçando as alianças. 


Últimas de Rio De Janeiro