Por

O décimo terceiro salário de 2017 está garantido para os 1.370 servidores ativos e aposentados da Assembleia Legislativa do Rio (Alerj). À Coluna, o presidente da Casa, deputado Jorge Picciani (PMDB), disse que a gratificação de Natal será paga integralmente até 15 de dezembro. Ele afirmou ainda esperar que o crédito seja feito com repasse do duodécimo ao Poder Legislativo pelo Executivo.

"Vamos pagar 100% até 15 de dezembro", afirmou Picciani, que acrescentou: "Espero que o Executivo nos repasse. Se faltar, vamos inteirar com sobras (de recursos orçamentários)".

Ao todo, para quitar a folha do décimo terceiro de 665 ativos e 705 inativos, serão necessários R$ 46 milhões. Por enquanto, não entram nesta conta os pensionistas. Segundo o presidente da Alerj, a Casa vai esperar o repasse dos valores pelo Rioprevidência.

Picciani não havia feito anúncio oficial aos servidores. E apesar da crise que ainda afeta os cofres do estado e traz incerteza ao funcionalismo, a expectativa do crédito do décimo terceiro está forte na Alerj. Um dos motivos para isso é o fato de a Casa ter uma folha salarial inferior a do Executivo (cujo valor mensal gira em torno de R$1,6 bilhão líquido). E outro é que, mesmo durante o colapso dos cofres fluminenses, a Casa garantiu o pagamento de seus servidores.

Somado a isso, há alguns meses, o pagamento dos funcionários voltou a ser feito no 2º dia útil do mês. Vale lembrar que a Alerj havia mudado o calendário para o décimo dia útil, em solidariedade ao funcionalismo do Executivo.

Você pode gostar
Comentários