CENÁRIOS POSSÍVEIS

Por O Dia

Independência

O presidente catalão, Carles Puigdemont, reiterou que vai proclamar independência em razão da vitória do 'Sim' na consulta. Puigdemont afirmou que enviará os resultados ao Parlamento da Catalunha, para que atue de acordo com a Lei do Referendo, aprovada no início do mês passado. Para o cientista político Oriol Bartomeus, da Universidade Autônoma de Barcelona, "os separatistas têm um roteiro e não têm outra saída a não ser continuar".

SEM autonomia

Se a declaração de independência acontecer, o governo central pode acionar, pela primeira vez, o Artigo 155 da Constituição, que permite a intervenção em regiões autônomas para que se volte à normalidade. A prisão do líder catalão também pode ocorrer; especialistas preveem protestos em massa, como após a prisão de 14 funcionários catalães, em setembro.

Censura contra Rajoy

Caso os socialistas do Psoe e a esquerda radical do Podemos, apoiados por partidos regionais, inclusive catalães, formem maioria, podem pedir moção de censura para derrubar Rajoy, do Partido Popular,apoiado pelos centristas do Ciudadanos,que não têm maioria absoluta na Câmara.

Negociações

Após cinco anos de diálogo surdo entre os catalães e o Estado espanhol, uma retomada das negociações parece muito improvável.

Comentários

Últimas de Mundo & Ciência