Por

O coronel do Exército Roberto Itamar Plum, porta-voz do Comando Militar do Leste (CML), disse ontem que a operação integrada das Forças Armadas, Polícias Militar e Federal, na Vila Joaniza e na Favela do Barbante, na Ilha do Governador, foi uma resposta à ação dos criminosos contra a PM no local. "A operação de hoje é uma decorrência das ações bastante afrontosas feitas pela criminalidade nos últimos dias", afirmou.

Até o fim da tarde, a PM não informou sobre nenhuma prisão na ação conjunta realizada ontem. Apenas, informou sobre quatro motocicletas que foram recuperadas.

No último fim de semana, criminosos atacaram os policiais e destruíram um posto de policiamento na Vila Joaniza no que seria uma retaliação à proibição de um baile funk.

Você pode gostar
Comentários